Rossi renova com Yamaha e permanece na MotoGP até 2020

Italiano assinou novo acordo que garante sua participação na categoria pelo menos até completar seus 41 anos de idade

Valentino Rossi permanecerá na MotoGP pelo menos até 2020 depois de assinar uma extensão de contrato de dois anos com a equipe de fábrica da Yamaha.

Apesar do atual contrato do veterano italiano expirar ao fim de 2018, ele esperava permanecer na fabricante por mais tempo.

O sete vezes campeão da classe principal deixou claro que pretendia continuar ao dizer recentemente que descartava a chegada de sua equipe, a VR46, à MotoGP antes de 2021.

Rossi completou 39 anos no último mês, o que significa que ele continuará na categoria até os 41 anos – fazendo dele o primeiro piloto a competir na MotoGP com mais de 40 anos desde Colin Edwards, em 2014.

Ele será parceiro de equipe de Maverick Viñales, seu atual colega, já que o espanhol já tinha concluído em janeiro um novo acordo para permanecer na Yamaha até 2020.  

A notícia da permanência de Rossi estende uma parceria que já conquistou 56 vitórias na MotoGP, além dos títulos de 2004, 2005, 2008 e 2009 da principal categoria do motociclismo. 

Grid da MotoGP em 2019:

EquipePiloto
Repsol Honda

 Marc Marquez

A ser anunciado

Movistar Yamaha

 Valentino Rossi

 Maverick Vinales

Ducati

A ser anunciado

Suzuki

A ser anunciado

Aprilia

A ser anunciado

Factory KTM 

A ser anunciado

LCR Honda

 Cal Crutchlow

A ser anunciado

Marc VDS

 Franco Morbidelli

A ser anunciado

Pramac Ducati

 Francesco Bagnaia

A ser anunciado

Nieto

A ser anunciado

Avintia

 Tito Rabat

A ser anunciado

Tech 3 KTM

A ser anunciado

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias MotoGP
Pilotos Valentino Rossi
Equipes Movistar Yamaha MotoGP
Tipo de artigo Últimas notícias