Rossi se diz "devastado" por queda na Malásia

compartilhar
comentários
Rossi se diz
David Gruz
Por: David Gruz
Traduzido por: Daniel Betting
4 de nov de 2018 11:15

Valentino Rossi disse que queda que custou a vitória do GP da Malásia foi seu "primeiro erro da temporada"

Valentino Rossi assumiu a liderança na largada da corrida de Sepang e liderou por 16 voltas até cair na curva 1, após começar a sofrer pressão de Marc Márquez.

Se Rossi tivesse conseguido vencer, teria sido sua primeira vitória em 28 corridas, interrompendo um jejum que começou após o triunfo de Assen em 2017.

Esta foi a segunda vez que Rossi não conseguiu pontuar este ano, após seu confronto controverso com Márquez na Argentina, que o deixou em 19º.

"Temos que dizer que é meu primeiro erro da temporada porque sempre chego no final, exceto na Argentina", afirmou. "Talvez seja o pior momento, estou arrasado pela queda.”

Leia também:

“Por um lado, também estou feliz porque de qualquer maneira vivemos o sonho por 15 voltas e depois da vitória do meu irmão [Luca Marini na Moto2] também poderia ter sido um grande dia, mas é assim.”

“Por outro lado, estou muito feliz pela corrida porque é a melhor corrida da temporada para mim e também vem em condições difíceis e em uma pista difícil para nós. Isso é muito importante."

"Mas também é uma grande vergonha, estou muito desapontado pelo erro e fazer uma corrida como esta e ir para casa sem pontos é frustrante."

Rossi foi incapaz de dar uma explicação para o acidente, mas disse que foi induzido pela traseira, não pela frente, com o pneu escorregando.

"Eu não sei, temos que checar", disse.

"Quando eu toco no acelerador, deslizo a traseira e não espero sinceramente porque normalmente estou mais preocupado com a frente. Eu estava muito no limite, a parte traseira escorregou um pouco e a moto caiu."

Ao não conseguir pontuar, Rossi também perdeu a luta pela vice-liderança para Andrea Dovizioso, da Ducati, e está apenas dois pontos à frente de seu companheiro de equipe Maverick Viñales.

"Agora temos que lutar contra Maverick em Valência pelo terceiro lugar."

Reportagem adicional de Oriol Puigdemont

Next article
Márquez: "Qualquer um poderia ter vencido"

Previous article

Márquez: "Qualquer um poderia ter vencido"

Next article

Lorenzo e Dovizioso travam nova guerra antes do fim da temporada

Lorenzo e Dovizioso travam nova guerra antes do fim da temporada
Load comments