Rossi se refere a Márquez como “valente” e diz que o estuda

compartilhar
comentários
Rossi se refere a Márquez como “valente” e diz que o estuda
Por:
16 de jan de 2019 11:48

Em entrevista aberta a rádio italiano, piloto fala sobre rival e mudanças no motociclismo durante sua carreira

Valentino Rossi completa 40 anos em 16 de fevereiro, logo depois do início da pré-temporada da MotoGP em Sepang (de 6 a 8 de Fevereiro), por isso o italiano prepara cuidadosamente seu condicionamento físico para chegar em boas condições para o que será sua 24ª temporada no Mundial de Motovelocidade e sua 20ª na categoria principal.

"É óbvio dizer que eu nunca teria imaginado correr tanto tempo. Mas nunca me perguntei se ia fazer isso até os 40 anos, porque meu sonho sempre foi ser piloto”, disse o italiano em entrevista ao popular programa de rádio italiano Radio Deejay.

“Talvez outros planejem isso no futuro, mas o mais importante não é chegar aos 40 na moto se não for competitivo. Estou convencido de que, se conseguirmos melhorar a moto este ano, seremos fortes. Você tem que trabalhar duro para isso, especialmente agora", explicou Rossi.

Rossi falou sobre outros temas, incluindo o piloto que nos últimos anos tornou-se seu grande rival: o espanhol Marc Márquez. Embora desta vez fosse para destacar algumas virtudes do concorrente. Com 40 anos e mais de duas décadas no campeonato, Valentino espera usar a experiência a seu favor.

"A experiência é importante para conhecer as pistas e trabalhar bem para a corrida. Mas os jovens pilotos são mais corajosos e têm menos medo de cair, porque se recuperam mais rápido. O medo que todos temos é algo que deve ser levado em conta. Tudo depende de como você reage, mas ter um pouco de medo é bom", explica Rossi.

"Quando você fica mais velho, você é mais cuidadoso, na Moto3 e na Moto2 eles são todos mais loucos. Os mais corajosos são os japoneses, os indonésios... eles vão com um limite de risco mais alto. Ou os britânicos, que são muito bons no molhado porque sempre chove lá."

Com o argumento do limite de risco, o locutor do programa perguntou a Rossi sobre Márquez, outro que assume riscos em sua Honda.

"Sim, ele é muito valente, a ponto de não ter medo. Cai muito, procura o limite, faz coisas incríveis com a moto", admite Valentino.

Rossi foi perguntado se acompanha o progresso de Márquez de perto.

"Se o estudo? Sim, muito. Entre os pilotos, prestamos muita atenção ao que os outros fazem, incluindo o que comem, bebem, os exercícios que fazem e o que enviam para suas redes sociais. Estamos curiosos e seguimos", reconhece o italiano, que em 2015 deixou de seguir em suas redes sociais Márquez e Jorge Lorenzo.

Após a revelação, ele foi perguntado se havia roubado algum segredo de seus rivais.

"Bem, eu acho que foi o contrário, eles que me copiaram, mas com certeza foram coisas mais relacionadas com treinamentos, como que esporte fazer fora da pista", encerrou Rossi.

Next article
GALERIA: As maiores lendas da MotoGP

Previous article

GALERIA: As maiores lendas da MotoGP

Next article

Ducati: Miller já mostrou ser veloz; agora precisa ser constante

Ducati: Miller já mostrou ser veloz; agora precisa ser constante
Load comments