Rossi: Vitória de Viñales não muda panorama para Yamaha

compartilhar
comentários
Rossi: Vitória de Viñales não muda panorama para Yamaha
Jamie Klein
Por: Jamie Klein
29 de out de 2018 17:43

Piloto italiano acredita que circunstância fez time retornar ao lugar mais alto do pódio, mas parabeniza companheiro por triunfo

A Yamaha terminou uma seca de 25 corridas sem vitorias no último domingo com Maverick Viñales.

Mas Valentino Rossi - que terminou em sexto - disse que o resultado não reduz a necessidade de a marca japonesa dar um grande salto de performance para a próxima temporada, após ser superada por Honda e Ducati em grande parte do campeonato de 2018.

"Penso que este é um bom resultado para Maverick, e também para toda a equipe e para a Yamaha, porque fazia tempo que não vencíamos", afirmou Rossi sobre o triunfo do seu companheiro de equipe. "Mas temos que continuar trabalhando para o próximo ano".

"É certamente uma grande injeção de confiança, mas não acho que mude muito."

Logo depois que Viñales assumiu a liderança na Austrália, Rossi ficou em segundo lugar, mas ele não conseguiu manter o ritmo na segunda metade da corrida e acabou atrás das duas Suzukis e das duas Ducatis de fábrica.

Com Andrea Dovizioso terminando em terceiro, Rossi ficou 15 pontos atrás de seu compatriota na luta pelo segundo posto no mundial de pilotos, atrás de Marc Márquez, que já selou o título deste ano.

"Foi um resultado decepcionante, eu esperava lutar pelo pódio", refletiu Rossi. "Já na primeira volta eu não tinha muita aderência, especialmente no lado esquerdo do pneu, e estava com mais problemas do que no sábado.”

"Imediatamente senti que estava escorregando muito, como se tivesse perdido um pouco de aderência. Até a meia distância eu estava bem rápido e fiquei em segundo, mas depois tive que desacelerar. Agora devemos tentar entender o porquê.”

"Um resultado bastante negativo, porque perdi pontos no campeonato para Dovizioso e também para Maverick, que recuperou muitos pontos. Por isso acho que mais do que por segundo, a batalha será pelo terceiro nos pontos."

Apesar de ter lutado pela aderência, Rossi admitiu que não havia grandes diferenças entre sua moto e a de Viñales em Phillip Island, e elogiou o espanhol por sua atuação.

"Em geral, as duas motos não são muito diferentes", disse ele. "Temos algumas diferenças porque nossos estilos são um pouco diferentes, mas o problema é que na aceleração nós derrapamos um pouco demais.”

"Maverick é capaz de ter mais tração, mesmo que ele patine, ele acelera melhor. Especialmente neste fim de semana ele sempre andou muito bem e conseguiu ter menos problemas."

Reportagem adicional por Oriol Puigdemont

Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing

Valentino Rossi, Yamaha Factory Racing

Photo by: Gold and Goose / LAT Images

Next article
Corrida em Phillip Island será uma hora mais cedo em 2019

Previous article

Corrida em Phillip Island será uma hora mais cedo em 2019

Next article

Iannone: Nunca vou entender por que a Suzuki me demitiu

Iannone: Nunca vou entender por que a Suzuki me demitiu
Load comments