Situação inusitada atrasa programação da MotoGP

Cinco de 10 montadores de pneus da Michelin não puderam trabalhar por estarem mal de saúde

A quarta sessão de treinos livres da etapa de Jerez de la Frontera da MotoGP foi adiada por 15 minutos devido a uma intoxicação alimentar que acometeu os montadores de pneus da Michelin.

Em uma situação bizarra, cinco de 10 de montadores de pneus da Michelin foram declarados demasiadamente doentes para trabalhar.

Isso atrasou a sessão em 15 minutos, já que foi preciso o dobro do tempo para equipar as 21 motos. 

Não está claro se haverá mais atrasos por conta do inusitado problema.

O espanhol Jorge Lorenzo liderou o treino livre 4 com um tempo de 1min39s241, à frente da Honda de Marc Marquez por 0s266s. Valentino Rossi foi o terceiro mais rápido para a Yamaha, a 0s430 do líder.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias MotoGP
Evento GP da Espanha
Pista Circuito de Jerez
Tipo de artigo Últimas notícias