Smith se surpreende com moto “lógica” da KTM

Mesmo com chassi inovador e suspensão diferente, piloto britânico diz que teve boa sensação com a moto

Após as primeiras sessões testes de pós-temporada da MotoGP no circuito de Valência, Bradley Smith elogiou bastante o comportamento da RC16 da KTM, que entra oficialmente como fábrica no mundial no próximo ano.

"Me surpreendi muito positivamente pelo quão bem a moto se comporta", disse Smith, que terminou os dois dias na 20ª posição.

"Uma coisa que eu gosto é que a moto é super consistente e não faz nada fora do comum. Ela faz as mesmas coisas a cada volta. Se eu tiver uma vibração, a vibração vai estar lá o tempo todo.”

"As coisas são lógicas, quando você muda as coisas para melhorar é muito difícil acontecer isso. Não é como às vezes quando você pega uma moto, muda algo e isso deixa ela completamente diferente."

Chassi de aço não é um problema

Apesar de vários elementos da moto da KTM não serem convencionais, incluindo o chassi de aço tubular, Smith disse que isso não exigiu muita adaptação.

"O motor é completamente diferente, chassi é de aço, tem a WP (fabricante de suspensão), mas ainda assim a sensação é boa. Parece uma boa moto", acrescentou.

"Para mim, há um feedback bom do chassi de aço, que é algo que eu gosto bastante.”

"Eu entendo claramente o que os pneus dianteiros estão fazendo e o que os pneus traseiros estão fazendo, então eu certamente tenho alguns bons positivos a partir disso. Realmente não precisei de muita adaptação.”

"E ainda temos algo semelhante em termos, que é a Michelin. O feedback está lá, é algo lógico."

"Então, isso significa que podemos trabalhar com clareza. Estarmos 1s8 atrás e podermos melhorar isso é uma situação muito agradável."

"Pol e eu fomos em uma direção semelhante"

Da mesma forma que Smith, seu companheiro de equipe em 2016, Pol Espargaro, também se juntou à KTM. O britânico disse que os dois que deram feedbacks semelhantes – outro aspecto positivo.

"Pol parece estar trabalhando nas mesmas coisas, reclamando sobre as mesmas coisas, então é bom que estamos trabalhando em paralelo. Nossos tempos parecem ser bastante semelhantes", disse Smith. "Tudo isso é positivo para mim.”

"Acho que os estilos de pilotagem meu e do Pol nos últimos quatro anos foram bem diferentes dos de Mika (Kallio), por isso fomos mais na direção de tentar fazer a moto andar bem nas curvas, um pouco como na Moto2.”

"Eu acho que Mika não se importa tanto com o apoio da moto, porque é o que ele sabe.”

"É uma coisa boa que eu e Pol fomos em uma direção semelhante e tivemos um feedback positivo."

Pol Espargaro, Red Bull KTM Factory Racing
Pol Espargaro, Red Bull KTM Factory Racing

Foto: Gold and Goose Photography

Reportagem adicional Matteo Nugnes

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias MotoGP
Evento Teste de novembro em Valência
Sub-evento Terça-feira
Pista Valencia
Pilotos Bradley Smith
Equipes Red Bull KTM Factory Racing (MXGP)
Tipo de artigo Últimas notícias