Piloto da NASCAR tem mandado de prisão por picape roubada

compartilhar
comentários
Piloto da NASCAR tem mandado de prisão por picape roubada
Jim Utter
Por: Jim Utter
27 de set de 2018 21:26

Jordan Anderson, que compete atualmente na Truck Series, é acusado de comprar picape de competição roubada

Jordan Anderson, Jordan Anderson Racing, Chevrolet Silverado Bommarito / Lucas Oil
Jordan Anderson, Jordan Anderson Racing, Chevrolet Silverado Lucas Oil
Jordan Anderson, Jordan Anderson Racing, Chevrolet Silverado Bommarito / Lucas Oil
Jordan Anderson, Jordan Anderson, Chevrolet Silverado Bommarito Automotive Group
Jordan Anderson, Jordan Anderson, Chevrolet Silverado Bommarito.com / Knight Fire Protection

De acordo com um comunicado divulgado pelo escritório do xerife do condado de Rowan, Carolina do Norte, um mandado foi emitido para Jordan Anderson, por posse de um veículo de competição roubado.

As autoridades dizem que o veículo em questão é uma picape de corrida usada na corrida da NASCAR que esteve envolvido em um acidente na Truck Series em novembro, no Texas Motor Speedway.

O departamento começou uma investigação no dia 7 de setembro sobre a venda da picape.

De acordo com o departamento do xerife, Anderson comprou a picape de Robert Newling, que havia feito reparos no veículo danificado. Newling foi preso sob a acusação de furto de um veículo a motor. Sua próxima data na corte é 21 de novembro.

"Robert Newling assumiu a responsabilidade de vender a picape de corrida que não pertencia a ele, e a vendeu para Jordan Anderson", disse o comunicado. “Durante o curso, os investigadores foram capazes de determinar que o Sr. Anderson tinha motivos para acreditar que a picape que comprou do Sr. Newling era roubada.”

“Os investigadores tentaram retirar a picape de Anderson, mas ele se recusou a entregá-la. O Sr. Anderson foi informado de um mandado pendente e obteve assessoria jurídica. O advogado do Sr. Anderson, Daren Jordan, de Salisbury, Carolina do Norte, entrou em contato com o Gabinete do Xerife do Condado de Rowan e declarou que o Sr. Anderson se entregaria no dia 20 de setembro. A partir desta data, Jordan Anderson ainda não se entregou.”

A NASCAR emitiu a seguinte declaração sobre o ocorrido nesta quinta-feira.

“Estamos cientes de uma questão de aplicação da lei envolvendo um membro da NASCAR e continuamos a reunir fatos. Continuaremos em contato com as autoridades enquanto o processo continua.”

Anderson, de 27 anos, correu em 74 oportunidades na Truck Series e 13 na Xfinity. Ele até agora não emitiu nenhum comentário oficial.

Próxima NASCAR Truck matéria
Enfinger vence prova movimentada em Las Vegas

Previous article

Enfinger vence prova movimentada em Las Vegas

Next article

Piloto de 17 anos é a segunda mulher a vencer na NASCAR

Piloto de 17 anos é a segunda mulher a vencer na NASCAR
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria NASCAR Truck
Pilotos Jordan Anderson
Autor Jim Utter
Tipo de matéria Últimas notícias