Com final confuso e acidentado, Sadler vence em Talladega

Brennan Poole e Elliott Sadler comemoraram ao cruzar a linha de chegada, mas quem levou foi o aniversariante do dia, que assim encerrou um jejum de 65 corridas sem vencer

Em um final acidentado e confuso, Elliott Sadler encerrou um jejum que já durava 65 provas e venceu, neste sábado (30), a etapa de Talladega da NASCAR Xfinity Series. O fim do jejum  foi o grande presente do aniversariante do dia, que completa 41 anos.

Antes da confirmação da vitória do veterano, veio a polêmica: Na última volta da prorrogação, Joey Logano liderava, seguido por Sadler que tentava ultrapassar o piloto da Penske nos metros finais da prova.

Logano perdeu o controle do carro ao tentar bloquear Sadler e foi para o muro, em um incidente que envolveu alguns carros. O primeiro carro a cruzar a linha de chegada foi o de Breenan Poole, mas o que poucos notaram é que o diretor de prova agitou a bandeira quadriculada junto com a bandeira amarela no momento do acidente.

“As pessoas não sabem o quanto é difícil vencer corridas como esta. Dale (Earnhardt) Jr. me deu uma grande oportunidade aqui na JR Motorsports, tenhouma equipe fantástica. Foi um presente de aniversário maravilhoso e a melhor parte é que minha esposa e meus filhos estão aqui comigo. Precisávamos desta vitória, disse Sadler.

O que diz a regra

Nas regras da NASCAR, quando uma bandeira amarela é acionada, o pelotão é 'congelado' e, ao rever as imagens, ficou claro que Sadler estava à frente no momento do acionamento.

Com isso, Justin Allgaier foi considerado o segundo colocado, com Poole em terceiro. Jeremy Clements terminou em quarto e Brendan Gaughan completou o grupo dos cinco primeiros neste sábado em Talladega.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias NASCAR XFINITY
Pilotos Elliott Sadler , Joey Logano , Brennan Poole
Tipo de artigo Relato da corrida