A pé, Burti lamenta por colegas de equipe: “vivem disso”

compartilhar
comentários
A pé, Burti lamenta por colegas de equipe: “vivem disso”
Gabriel Carvalho
Por: Gabriel Carvalho
20 de mai de 2016 15:43

Piloto da RZ, que não compete em Goiânia devido a falta de pagamento de um dos patrocinadores, conversou com exclusividade com o Motorsport.com Brasil; confira a entrevista

A RZ Motorsport é a mais nova equipe vítima dos problemas financeiros que atingem a Stock Car neste ano.

Após a Mico's anunciar que não correria em Goiânia e com a ausência da Boettger desde o início da temporada, o time fundado por Ricardo Zonta – que tem Luciano Burti e Cesar Ramos como pilotos – sofre desde fevereiro com a falta de pagamento do principal patrocinador, a Klar.

Com isso, a equipe é mais um desfalque na terceira etapa da temporada 2016. O Motorsport.com Brasil procurou Burti para falar sobre o tema. Confira a entrevista exclusiva:

Qual a situação de momento na RZ em relação aos pagamentos em atraso por parte da Klar?

“Na verdade, esse acordo é com a equipe, então eu não tenho todos os detalhes. O que eu sei, que é o que já foi divulgado, é que o time tem um contrato com esse patrocinador e os pagamentos estão atrasados desde fevereiro – o que inviabiliza o negócio. A RZ fez as duas primeiras corridas por conta própria – há outros patrocinadores, claro, mas a maior parte saiu do caixa da equipe. Só que o time chegou a um ponto em que não é possível seguir assim, então agora eles estão esperando para ver se resolvem a situação.”

Você está otimista em relação à questão?

“Muito se diz que é melhor ser otimista, mas eu sou do tipo que é realista, mais 'pé no chão' e não criar expectativa. Digo isso porque algumas coisas não se encaixaram como deveriam desde novembro do ano passado, então o que eu realmente espero é que a situação se resolva e possamos voltar ao campeonato, mas prefiro esperar tudo se confirmar do que criar expectativa.”

“E quando digo que espero que as coisas melhorem, penso principalmente no pessoal da equipe, que vive exclusivamente da Stock e vai sofrer muito caso a situação não se resolva. Tenho 25 anos de profissão – 16 como profissional – e isso nunca aconteceu comigo. Eu tenho outras oportunidades, mas eles não e isso é muito duro, pois eles vivem disso.”

Contando a situação da RZ Motorsport, já é a terceira equipe do grid que enfrenta problemas financeiros. Você acredita que a Stock Car pode vir a enfrentar um esvaziamento expressivo ainda neste ano devido à crise econômica no Brasil?

“Automobilismo sempre foi um esporte caro e com a Stock não é diferente, apesar de a categoria buscar constantemente reduzir os custos, mas os custos ainda são muito altos – especialmente ao levar em consideração o momento atual do país. Acho que, infelizmente, outros pilotos e equipes terão dificuldades financeiras até o final da temporada.”

“No entanto, não creio que isso vá comprometer o grid da categoria. Temos 32 carros hoje, mas se esse número caísse para 24 ainda teríamos um grid bastante razoável – não só pensando na Stock, este número seria razoável em qualquer categoria. Então ainda há uma certa 'gordura para queimar' e mesmo se, infelizmente, alguns pilotos e equipes enfrentarem problemas, creio que a Stock em si está sólida. Claro que se a crise do país se estender a médio ou longo prazo, não só a Stock vai sofrer, como o automobilismo brasileiro como um todo. Por agora, no entanto, não vejo a categoria perdendo qualidade no grid.”

Você tem um 'plano B' para a Stock caso a situação da RZ não se resolva?

“Por enquanto não. Eu estou cumprindo minha parte do acordo, pronto para entrar no carro e cumprir com as minhas obrigações, tanto com o patrocinador quanto com a equipe. Não seria certo principalmente com o time, sair procurando outras oportunidades, estou junto com eles e tentando ajudá-los no que é possível. Mais para a frente, talvez eu tenha que pensar em algo, mas por enquanto o foco é tentar ajudar a resolver a situação.”

Próxima Stock Car Brasil matéria
Sob incerteza, Mico’s desbafa: “nos deixaram na mão”

Previous article

Sob incerteza, Mico’s desbafa: “nos deixaram na mão”

Next article

Em meio à crise, chefes veem Stock em situação delicada

Em meio à crise, chefes veem Stock em situação delicada
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Stock Car Brasil
Pilotos Luciano Burti
Autor Gabriel Carvalho
Tipo de matéria Entrevista