Camilo acredita que teria brigado pela vitória se tivesse largado mais a frente

Piloto da RCM Motorsport largou de sexto, brigou muito e terminou em segundo lugar na prova de Interlagos

A segunda colocação de Thiago Camilo na primeira etapa do ano da Stock Car Brasil está longe de ser ruim, mas para o piloto da RCM Motorsport, ele poderia ter brigado pela vitória se tivesse largado um pouco mais a frente.

“Eu estou feliz. Eu acho que poderia ganhar se eu largasse um pouco mais na frente. Óbvio que não sei como seria o resultado da corrida, mas poderia ter brigado pela ponta, coisa que não tive chance. Ia ser uma briga boa contra o Cacá”, disse Thiago Camilo.

O paulista se sentiu muito feliz em estar no pódio e elogiou a equipe, que conseguiu lhe dar um carro muito rápido e capaz de galgar posições durante a corrida.

“Acho que começar no pódio é um orgulho muito grande, para mim e para a equipe. Conseguimos desenvolver bem o carro”, disse Camilo. “Na classificação a temperatura pegou a gente de surpresa e nosso carro teve uma reação diferente, mas consegui largar entre os seis. Pena que na largada acabei ganhando um toque e perdi algumas posições, o que acabou prejudicando minha prova”, completou.

“Fiz uma corrida de recuperação. No começo ultrapassei o Serrinha, depois cheguei a trás do Ricardinho, que tinha um ritmo melhor, só que ele me surpreendeu em alguns push’s, onde apertamos juntos. Perdi umas quatro voltas atrás dele, o que me atrapalhou no final. Depois que eu consegui fazer a ultrapassagem, cheguei muito rápido no Átila e no Khodair. Mas como eu só tinha um push no final, tinha que ter a certeza que eu não o desperdiçaria. Esperei ele usar na volta anterior para aí sim usar o meu e conquistar a ultrapassagem.”

“Visualmente tirei muito a diferença do Cacá, já sem push. A equipe está de parabéns. os pontos da vitória agora não valem tanto assim, são somente dois pontos de distância”, comentou Thiago, que parte com pouca diferença para o líder Cacá na etapa de Curitiba no próximo dia 15.

Assim como Cacá, Thiago comentou sobre as regras. Mas segundo ele, a sua visão é um pouco diferente da do líder do campeonato, que não concorda em deixar  corrida mais embolada com o uso do push na classificação.

“Eu sou a favor do Cacá quando ele diz que sempre prioriza que o melhor tem que vencer na pista. Mas acho que temos que pensar no espetáculo também. Independente das novas regras, os vencedores continuarão os mesmos e os que estão chegando na frente também serão os mesmo. Vai ser uma questão momentânea em algumas pistas”, disse Camilo, que comentou que o presidente da Vicar, Carlos Col disse que as regras são para atrair mais audiência para a categoria, que anda baixa no momento.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Stock Car Brasil
Tipo de artigo Últimas notícias