Camilo revela ressentimento com Galid após prova de Tarumã

Vice-líder do campeonato diz que não entendeu conduta do companheiro de equipe em corrida no Rio Grande do Sul

Thiago Camilo confessou que o clima em sua equipe não esteve bom durante esta temporada inteira. O atual vice-líder do campeonato, a 15 pontos do primeiro colocado, Daniel Serra, disse que perdeu pontos importantes na disputa do título por um problema ocorrido com o companheiro de equipe, Galid Osman, na etapa de Tarumã.

Segundo Camilo, Galid, pole position daquela prova, o atrapalhou em uma disputa de posição durante a corrida 1. O #21 defende que isso o prejudicou e ao mesmo tempo ajudou Daniel Serra, que se utilizou do duelo para abrir à frente dos dois. No fim, Serrinha venceu e Camilo foi apenas o quarto.

“Tive dois pontos positivos (neste segundo semestre), que foram Buenos Aires e Tarumã. Acredito que poderia até ter assumido a liderança do campeonato”, falou ao Motorsport.com.

“Isso é complicado de falar, mas sofri com uma situação interna na equipe. Tinha meu companheiro largando na pole (em Tarumã) e enxerguei ele como mais um concorrente naquela prova, e não como um aliado.”

“Ele dificultou a minha ultrapassagem várias vezes e não conseguimos entender a atitude dele naquele momento. De qualquer maneira, são águas passadas, mas o Daniel acabou vencendo essa corrida e fui só o quarto diante daquela situação de ter ficado brigando com o Galid pelas primeiras posições no início daquela prova.”

“Poderia estar na liderança do campeonato diante dessas situações, mas é sempre o ‘se’. O Daniel também teve os contras dele. Acho que ele poderia ter aproveitado melhor o conjunto das duas corridas em algumas etapas quando teve um carro um pouco superior.”

Sobre a perda de pontos no ano, Camilo lamenta seu azar na Corrida do Milhão quando acabou ficando sem combustível pouco antes do final da prova. Na ocasião, ele era segundo e faria 25 pontos , o que lhe daria agora a liderança do campeonato.

“O Daniel tem tido um desempenho muito bom no campeonato com relação às corridas 1. Na prova que teve a pontuação simples, que foi a Corrida do Milhão, ele estava em primeiro e eu em segundo”

“Chegamos até a brigar ali na pista, mas acabei ficando sem combustível no fim. Eu seria líder agora. Foram 25 pontos que agora fazem uma grande diferença para nós, já que estamos a 15 do Daniel.”

“Eu assumi a liderança no Velopark e estava na frente até ali, mas cometemos aquele deslize. É até engraçado falar isso, porque já venci três vezes a Corrida do Milhão e ela era o nosso forte. Só que esse ano ela é a pedra no sapato. Mas remamos para recuperar a nossa campanha e chegar nesta final.” 

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Stock Car Brasil
Pilotos Thiago Camilo , Galid Osman
Tipo de artigo Entrevista