Depois da GT, chegou a hora de Khodair limar a ‘zica’ da Stock

Em busca de “energias positivas”, ‘Japonês Voador’ quer seguir o exemplo do último fim de semana para começar a brilhar na temporada

Após vencer as duas corridas deste último fim de semana no Campeonato Brasileiro de Gran Turismo, Allam Khodair quer agora afastar a ‘zica’ que ainda carrega na Stock Car.

Um dos pilotos mais rápidos de 2012, Khodair cravou quatro poles nos campeonatos de que participa, mas tirando esse fim de semana vitorioso da GT, ir bem nas corridas não tem sido uma constante nesta temporada para o ‘Japonês Voador’, como reconheceu em entrevista ao TotalRace.

“Esse ano tem sido realmente muito bom. Nas três categorias que piloto (Stock, GT e Fiat), em todas elas o piloto referência do Brasil está lá, que é o Cacá (Bueno). Na corrida estamos mostrando bons resultados. Na Copa Fiat (única etapa do campeonato), mesmo largando em último por um problema de freios, recuperei 13 posições na corrida. Na GT, estou fazendo boas corridas, mas aqui (Stock), sempre estou tendo alguns problemas: em uma fui atingido por trás, na outra fui punido... falta encaixar..., mas estou muito feliz pelo lado da velocidade”, disse Khodair.

A meta de Allam agora é continuar pontuando bem para conseguir, na última etapa, que vale o dobro de pontos, ter chances de disputar o título.

“Estou tendo um pouco de falta de sorte. Fui atingido por trás em duas corridas, não tive culpa. Mas parece que a maré está virando. Na GT, nas últimas duas corridas não deu nada de errado em nenhum momento e vencemos as duas corridas do fim de semana, mas aqui ainda falta tirar essa zica. Estamos em um caminho bom. Temos que pontuar e pontuar bem, lá na frente, para começarmos a acreditar que podemos chegar no final do campeonato disputando esse título”, comentou.

E após dar um chute na ‘zica’ da GT, Khodair se diz pronto e revigorado para fazer o mesmo na Stock Car.

“A vitória no fim de semana na GT3 pode não ter sio muito especial, mas foi bem diferente. Por estar carregando essa vibe, essa energia esquisita, parecia que era a minha primeira vitória na categoria, exatamente pelo ano estar muito difícil na questão resultado. E acredito muito em energia, mas não podemos falar que ela estava ruim, pois vínhamos fazendo as poles, pois quando você está com essa energia ruim, nem isso você faz. Porém, nas corridas estava complicado, as coisas não estavam acontecendo. Na GT3 éramos ainda mais rápidos do que na Stock, e nas duas últimas corridas fomos atingidos por trás, mas com as vitórias do fim de semana acredito que estamos mudando o ciclo de energia que tenho quase certeza que está entrando também aqui para a Stock Car”, revelou.

“Estamos tentando em arrumar a casa, pensando só na gente. Temos que começar a terminar a corridas”, finalizou.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Stock Car Brasil
Tipo de artigo Últimas notícias