Em 11º, Massa se alegra com adaptação rápida na Stock Car

Dupla de Cacá Bueno na Cimed Racing, ex-Fórmula 1 celebra boas voltas na classificação após “semana bem complicada”

A estreia de Felipe Massa na Stock Car vem sendo bem agitada. Até o momento o piloto e seu parceiro no carro #0, o pentacampeão da categoria Cacá Bueno, vêm enfrentando diversas dificuldades técnicas.

Na classificação, o 11º lugar simbolizou bastante para Massa. Após o treino dos pilotos regulares, Cacá Bueno era apenas o 23º, o que impossibilitaria a dupla de seguir para o Q2. No entanto, Massa foi mais rápido que seu parceiro e cravou o segundo tempo na sessão para convidados. Assim, na média os dois puderam seguir no treino, no qual terminaram em 11º.

“Para falar a verdade foi uma semana bem complicada para tentar achar o acerto do carro”, disse Massa ao Motorsport.com.

“Não que a gente tenha conseguido encontrar ainda, mas a gente sofreu bastante. A classificação foi difícil, e de manhã não conseguimos colocar pneu novo porque tivemos um problema no motor. Então, cara, foi um fim de semana de muito trabalho até agora. Conseguimos melhorar um pouquinho o carro – mas não o que deveríamos. Temos um pouco de chão ainda.”

“A gente teve muitos problemas de freio. O carro não parava nas freadas simplesmente. Você tinha que frear bem antes, porque senão passava reto. Tivemos também alguma coisa ligada à suspensão, na parte mecânica do carro. Comparando o nosso carro com os das outras equipes era uma diferença muito grande, porque o nosso carro não tinha grip.”

“Isso realmente foi complicado. E ainda tem alguma coisa mais para achar que não está certa no carro. Vamos ver se conseguimos achar para amanhã. Mas, mesmo se a gente não conseguir, vamos tentar fazer uma boa corrida.”

Massa ressaltou que a velocidade na assimilação das características do carro da Stock Car foi o ponto positivo do seu final de semana até o momento.

“Apesar de tudo, fiquei feliz pela minha adaptação ao carro”, seguiu.

“Consegui virar tempos de igual para igual com o Cacá, às vezes conseguia até ser mais rápido – como foi o caso no Q1. E graças a essa volta que eu dei que a gente passou para o Q2, senão não ia dar.”

“Mas fiquei feliz com o resultado, mas é lógico que não estou contente de estar em 11º. Seria legal estar entre os cinco primeiros. Talvez isso fosse possível se o carro tivesse um pouco menos de problema durante a semana. Mas estamos na briga. Amanhã a corrida é longa e espero que as coisas aconteçam da maneira certa.”

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Stock Car Brasil
Evento Interlagos
Pista Autódromo José Carlos Pace
Pilotos Felipe Massa
Tipo de artigo Últimas notícias