Em Londrina, Di Grassi vence mais uma na Stock Car

compartilhar
Em Londrina, Di Grassi vence mais uma na Stock Car
6 de mai de 2018 19:01

Piloto da Hero Motorsports assumiu a liderança após punição a Átila Abreu, que era o líder e ultrapassar Thiago Camilo nos minutos finais da prova

Lucas di Grassi largou em quarto e depois de uma boa estratégia da equipe Hero Motorsports conquistou a vitória da segunda corrida da rodada dupla de Londrina. Esta foi a segunda vitória de Di Grassi na temporada 2018 da Stock Car, seu ano de estreia na categoria.

A segunda posição acabou nas mãos de Rubens Barrichello,seguido de Daniel Serra, em terceiro.

A corrida

Décimo colocado na corrida 1, Thiago Camilo largou na pole position da corrida 2 de Londrina favorecido pela inversão do grid dos dez primeiros e assim que as luzes vermelhas da pista se apagaram, acelerou forte e segurou a ponta mesmo muito pressionado por Cacá Bueno.

Terceiro do grid, Julio Campos tentou aproveitar que Cacá tentava atacar Camilo para superar o pentacampeão da Stock Car, mas não foi feliz na manobra e se manteve em terceiro.

Com a carenagem de seu carro raspando no pneu traseiro esquerdo, Campos começou a perder ritmo e acabou superado por Felipe Fraga, que acionou o botão de ultrapassagem e ultrapassou Lucas di Grassi e Campos na mesma manobra para assumir a terceira posição.

Mais atrás, Max Wilson e Daniel Serra começaram uma intensa batalha pela sétima posição, ambos se valendo do uso do botão de ultrapassagem para superar um ao outro. Pouco depois, Max tomou a sexta posição de Julio Campos e se livrou da pressão de Daniel Serra.

Enquanto isso, Camilo ampliava sua vantagem sobre Cacá e abria dois segundos e meios sobre o piloto da Cimed Racing.

Faltando 25 minutos ara o fim da corrida, Felipe Fraga, então terceiro colocado, foi punido com uma passagem pelos boxes por ter queimado a largada, dando o terceiro posto de presente para Lucas di Grassi.

Na 13ª volta, Denis Navarro, que disputava a 13ª posição com Antonio Pizzonia, tentou ultrapassar Pizzonia por fora na curva 2, acabou tocado pelo carro do piloto da Prati-Donaduzzi, bateu na barreira de pneus a abandonou a prova.

O incidente acionou o safety car e anulou a vantagem de Thiago Camilo sobre Cacá Bueno, que passava dos três segundos. Antonio Pizzonia acabou desclassificado da prova por atitude antidesportiva.

Na relargada, autorizada na 15ª volta, Camilo acelerou para segurar a ponta, com Cacá em segundo e Di Grassi em terceiro.

Com os boxes abertos para troca de pneus e reabastecimento, os líderes entram juntos nos boxes. Após o rápido trabalho da Ipiranga Racing, Camilo conseguiu voltar na frente, seguido por Di Grassi, que tomou a posição de Cacá, que não conseguiu fazer uma boa parada.

Apostando em atrasar sua parada, Átila Abreu conseguiu imprimir um ritmo forte o suficiente na pista para conseguir assumir a liderança com Thiago nos boxes, parar e voltar para a pista ainda em primeiro. Camilo caiu para segundo e Di Grassi manteve a terceira posição.

Pouco depois, Átila foi punido com uma passagem pelos boxes por uma irregularidade em sua parada nos boxes e acabou devolvendo a liderança a Camilo, que pouco depois acabou superado por Di Grassi, o novo líder da corrida.

A partir daí, Di Grassi começou a abrir vantagem sobre Camilo, que acabou perdendo a segunda posição para Rubens Barrichello, que ainda tinha um botão de ultrapassagem e o utilizou para superar o piloto da Ipiranga Racing.

Sem mais botões de ultrapassagem, Camilo ainda foi superado por Daniel Serra e teve de se contentar com o quarto posto na corrida vencida por Lucas di Grassi.

Resultado

Pos Piloto Equipe
1 Lucas Di Grassi Hero Motorsports
2 Rubens Barrichello Full Time Sports
3 Daniel Serra Eurofarma RC
4 Thiago Camilo Ipiranga Racing
5 Diego Nunes Texaco Racing
6 Max Wilson Eurofarma RC
7 Cacá Bueno Cimed Racing
8 Sergio Jimenez Squadra G Force
9 Tuka Rocha Vogel Motorsport
10 Allam Khodair Blau Motorsport
11 Ricardo Zonta Shell V-Power
12 Gabriel Casagrande Vogel Motorsport
13 Vitor Genz Elsenbahn Racing
14 Bia Figueiredo Ipiranga Racing
15 Lucas Foresti Cimed Racing
16 Átila Abreu Shell V-Power
17 Rafael Suzuki Bardhal Hot Car
18 Marcos Gomes Cimed Racing
19 Nelson Piquet Jr Texaco Racing
20 Valdeno Brito Elsenbahn Racing
21 Guga Lima Squadra G Force
22 Felipe Fraga Cimed Racing
23 Julio Campos Prati-Donaduzzi Racing
24 Bruno Baptista Hero Motorsports
25 Cesar Ramos Blau Motorsport
26 Denis Navarro Cavalero Sports
27 Galid Osman Cavalero Sports
28 Ricardo Maurício Full Time Sports
29 Felipe Lapenna Cavalero Contuflex
30 Guilherme Sallas Bardhal Hot Car
31 Antonio Pizzonia Prati-Donaduzzi Racing
Next article
Max Wilson vence corrida 1 da Stock Car em Londrina

Previous article

Max Wilson vence corrida 1 da Stock Car em Londrina

Next article

Grid girls esquentam etapa de Londrina da Stock Car

Grid girls esquentam etapa de Londrina da Stock Car

Sobre esta matéria

Categoria Stock Car Brasil
Evento Londrina
Localização Autódromo Internacional Ayrton Senna
Tipo de matéria Últimas notícias