"Eu não via nada", disse Kanaan no primeiro dia que andou de Stock

Baiano campeão da Fórmula Indy estranhou muito a falta de visibilidade após o teste que fez no autódromo de Brasília nesta quinta

Estreando na Stock Car neste fim de semana no autódromo de Brasília, o brasileiro Tony Kanaan chamou a atenção para a baixa visibilidade no carro de turismo após dar suas primeiras voltas no carro em teste realizado no Distrito Federal.

"A primeira coisa que eu estranhei foi que eu não via nada. O número do vidro me atrapalhava, tudo me atrapalhava. De manhã, no primeiro treino, quando o Rubens me passou, nem sabia que ele estava perto de mim", confessou Tony Kanaan em coletiva acompanhada pelo TotalRace.

Apesar de tudo, Tony disse que foi muito bom poder correr no Brasil e rever muitos amigos pelo paddock. 

"Foi uma experiência legal. Mesmo com a Indy voltando para o Brasil, quando tínhamos o calor do público, dos fãs, mas tem muita gente aqui no paddock da Stock Car que faz parte da minha vida no automobilismo; outros pilotos vieram me ajudar, o Thiago Camilo veio me dar conselhos, o Rubens [Barrichello já havia me falado um monte de coisa. Só tenho a agradecer a oportunidade; estou feliz de estar de volta. Gostaria de ver mais um pouquinho, mas está bom", brincou o piloto.

Kanaan corre a etapa de Brasília e a do Milhão, em São Paulo, pela Bassani Racing. Amanhã,  o piloto retorna à pista para os primeiros treinos livres da categoria.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Stock Car Brasil
Tipo de artigo Últimas notícias