Fora da 2ª corrida no último domingo, Barrichello quer que Stock reveja regra

compartilhar
comentários
Fora da 2ª corrida no último domingo, Barrichello quer que Stock reveja regra
Por: Guilherme Carvalho
15 de abr de 2014 07:57

Piloto da Medley completou a primeira etapa, mas, com problema no motor, precisou ser rebocado

Impedido de participar da segunda bateria do fim de semana em Santa Cruz do Sul, após ter sido rebocado ao final da primeira prova de domingo, o piloto Rubens Barrichello lamentou a decisão dos comissários e pediu para que a regra fosse revista em relação às próximas rodadas duplas.

“Assim que terminou a prova, meu carro apagou e eu não consegui chegar aos boxes. Infelizmente, a regra não deixou que eu participasse da segunda corrida. Foi uma pena não completar o final de semana. Na minha opinião, isso teria de ser revisto pelos comissários, pois eu acabei a primeira corrida”, disse o piloto, que chegou em 16º na primeira prova.

“Foi uma corrida muito atípica desde o início. O rendimento do nosso motor estava muito ruim, pois, acreditamos que uma pedra tenha furado o radiador, fazendo com que a temperatura do carro subisse e eu tive muita sorte de terminar a prova”, comentou.

O chefe da equipe Medley, Maurício Ferreira, explicou que a estratégia do time visava justamente privilegiar a segunda bateria. “Optamos por priorizar a segunda corrida, por achar que muitos iriam fazer o contrário. Fizemos a parada obrigatória mais longa, trocando três pneus, mas infelizmente fomos surpreendidos com um furo no radiador. Ainda conseguimos cruzar em 16º, mas depois disso acionou o dispositivo de segurança do carro, fazendo com que o motor parasse. Depois disso, veio mais uma surpresa, porque a regra impedia que quem chegasse rebocado pudesse participar de uma segunda prova. Foi uma pena, pois nós completamos a primeira corrida e era uma situação atípica, mesmo assim os comissários entenderam que tínhamos que seguir a regra”, lamentou.

O calendário 2014 da Stock Car contará com mais oito rodadas duplas ao longo do ano e, pelo regulamento atual, os carros só podem sofrer leves reparos entre a primeira e a segunda bateria.
Próxima Stock Car Brasil matéria
Cacá Bueno e Thiago Camilo disputam hegemonia de Interlagos

Previous article

Cacá Bueno e Thiago Camilo disputam hegemonia de Interlagos

Next article

Khodair vence problemas e pressão em Salvador; Rubinho segue líder

Khodair vence problemas e pressão em Salvador; Rubinho segue líder
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Stock Car Brasil
Autor Guilherme Carvalho
Tipo de matéria Últimas notícias