Genz vence corrida 2 em Cascavel e faz história na Stock Car

Piloto é o primeiro gaúcho a triunfar na maior categoria do automobilismo brasileiro. Pódio inusitado teve Lucas Foresti e Guilherme Salas

A segunda bateria da etapa de Cascavel da Stock Car foi histórica. Pela primeira vez, desde 1979, um piloto gaúcho foi ao lugar mais alto do pódio. Vitor Genz conseguiu o feito após aparecer na segunda metade da prova, com mais botões de ultrapassagem em relação aos adversários.

Com a mesma estratégia, poupando equipamento na primeira bateria, Lucas Foresti e Guilherme Salas completaram o pódio. Tuka Rocha foi o quarto colocado e Rubens Barrichello terminou na quinta posição.

A prova ainda contou com a queda dos últimos dois campeões da Stock. Felipe Fraga abandonou e Marcos Gomes rodou enquanto liderava. 

A Corrida

Marcos Gomes foi o pole da segunda bateria, por ter terminado em 10º na primeira prova. Na largada, ele dividiu curva com Valdeno Brito, mas o #77 acabou perdendo o controle, contornou a curva por fora e caiu para a 16ª posição. Galid Osman assumiu a segunda posição. Felipe Fraga, Rubens Barrichello e Thiago Camilo completavam o top-5.

O campeão de 2015 tinha vantagem tranquila nos 10 primeiros minutos, com 2s5 em cima de Galid. Enquanto isso, Rubinho sofria pressão de Camilo, tentando segurar a quarta colocação.

Quando restavam 29 minutos, os companheiros de equipe, Daniel Serra e Max Wilson, se tocaram próximo à curva do Bacião, os dois saíram da pista, mas retornaram, mesmo com o #65 girando. Serra acabou sendo punido pela direção de prova, considerado culpado pelo acidente e teve que pagar um drive through.

Faltando 23 minutos, Felipe Fraga ficou lento e parou na pista, abandonando a prova em seguida. Como era uma região perigosa, o Safety Car foi chamado. Ao mesmo tempo, Marcos Gomes saiu da pista, quando tinha mais de sete segundos de diferença para o segundo colocado.

Osman herdou a ponta, com Barrichello em segundo. Na abertura da janela de paradas, logo depois da relargada, o novo líder foi o primeiro a entrar nos pits, Camilo foi na segunda e Barrichello parou na última volta permitida.

Ao final do ciclo, Thiago Camilo ficou à frente, com Vitor Genz em segundo e Rubinho em terceiro.
Mas Genz se aproveitou do fato de Camilo não ter mais push to pass e efetuou a ultrapassagem pela liderança. Lucas Foresti apareceu para assumir o segundo posto.

Enquanto isso, Camilo, Barrichello e Allam Khodair brigavam freneticamente pela terceira posição. Mas outros "convidados" entraram em cena. Guilherme Salas superou Barrichello pela quarta colocação e Tuka Rocha passou Camilo na sexta.

No penúltimo giro, Khodair veio lento, deixando qualquer possibilidade de bom resultado para trás.

Enquanto isso, Genz vinha tranquilo, com vantagem segura para Foresti e recebendo a bandeira quadriculada em primeiro. Foresti foi o segundo e Salas em terceiro. Rocha e Barrichello completaram os cinco primeiros.

A próxima etapa da Stock Car acontece no dia 2 de julho, com a Corrida do Milhão, em Curitiba.

Resultado

Posição

Número

Piloto

1

46

Vitor Genz

2

12

Lucas Foresti

3

117

Guilherme Salas

4

25

Tuka Rocha

5

111

Rubens Barrichello

6

21

Thiago Camilo

7

4

Julio Campos

8

51

Átila Abreu

9

70

Diego Nunes

10

9

Guga Lima

11

3

Bia Figueiredo

12

5

Denis Navarro

13

30

Cesar Ramos

14

0

Cacá Bueno

15

29

Daniel Serra

16

8

Rafael Suzuki

17

65

Max Wilson

18

44

Betinho Valério

19

18

Allam Khodair

20

28

Galid Osman

21

90

Ricardo Mauricio

22

31

Marcio Campos

23

110

Felipe Lapenna

24

80

Marcos Gomes

25

88

Felipe Fraga

26

1

Antonio Pizzonia

27

83

Gabriel Casagrande

28

73

Sergio Jimenez

29

10

Ricardo Zonta

30

77

Valdeno Brito

Be part of something big

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Stock Car Brasil
Evento Cascavel
Pista Autódromo Internacional de Cascavel
Pilotos Vitor Genz
Tipo de artigo Relato da corrida