Robert Hoffmann, filho de Ingo Hoffman, morre aos 28 anos

58,572 visualizações

Caçula do maior campeão da Stock Car brasileira lutava contra câncer desde 2010

Robert Hoffmann, filho de Ingo Hoffmann, teve morte confirmada nesta quarta-feira em São Paulo. Ele lutava contra um câncer no cérebro.

Na descoberta, em 2010, foi detectado que o tumor era benigno. O filho do 12 vezes campeão da Stock recebeu tratamento e voltou a ter uma vida normal. Mas o tumor voltou, maligno, o que levou Robert a tratamentos mais intensivos no início do mês no Hospital São José, em São Paulo.

Robert tinha 28 anos e também tinha paixão pela adrenalina da velocidade, mas em outra área: no wakeboard.

O velório acontece no Cemitério e Crematório Horto da Paz, em Itapecerica da Serra, sexta-feira, a partir das 10h. A cremação será no mesmo local, às 14h.

A Confederação Brasileira de Automobilismo emitiu nota oficial lamentando o ocorrido.

"A Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA) lamenta o falecimento de Robert Hoffmann, filho de Ingo Hoffmann, maior campeão brasileiro de Stock Car, ocorrido na noite da última quarta-feira (16). O mais novo dos filhos do 12 vezes vencedor da categoria nacional não resistiu a um câncer no cérebro.

Robert tratou de um primeiro tumor, benigno, em 2010, mas a doença voltou pouco depois. Desde o último dia oito de dezembro o jovem de 28 anos estava internado no Hospital São José, localizado na região central da capital paulista."

Nas redes sociais, o piloto da IndyCar, Helio Castroneves deixou mensagens de força para o amigo.

 

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Stock Car Brasil
Evento Notícias da Stock Car
Pilotos Ingo Hoffmann
Tipo de artigo Últimas notícias