ByKolles muda para motores Nissan na temporada 2017 do WEC

Time austríaco, que disputa a LMP1 como equipe privada, deixa os propulsores AER para utilizar motores Nissan - os mesmos que equiparam a fracassada tentativa da fabricante japonesa no WEC, em 2015

A ByKolles tem novidade para a temporada 2017 do Mundial de Endurance: saem os motores AER P60 V6 de 2,4 litros, utilizados nos dois últimos anos. A partir deste ano, o time austríaco passa a usar os propulsores NISMO VRX 30A Evo V6 de 3 litros, que equiparam o fracassado Nissan GT-R LM NISMO LMP1 nas 24 Horas de Le Mans em 2015.

A equipe faz adaptações no CLM P1/01 para acomodar o novo motor. Além disso, a ByKolles prepara atualizações aerodinâmicas para a nova temporada - o carro deve ser o único a disputar a LMP1 na classe privada.

“O fornecimento de motores por parte da NISMO significa muito para nós", disse Boris Bermes, chefe de operações da ByKolles. "Após ter de lidar com uma série de decepções no passado devido a problemas de confiabilidade nos propulsores, esperamos avanços significativos em termos de resistência e desempenho."

“Estamos trabalhando incessantemente em vários aperfeiçoamentos para o nosso carro. Como resultado das mudanças de regulamento para 2017, pudemos fazer avanços na dianteira e na traseira, especialmente na parte aerodinâmica", afirmou.

“Além disso, nossos projetistas conseguiram reduzir o peso e introduzir novidades na parte mecânica. Estamos ansiosos pelos primeiros testes com nosso renovado CLM P1/01", acrescentou.

Por fim, Bermes comentou que o CLM P1/01 equipado com motor Nissan estará disponível para outras equipes privadas em 2018. "Para 2018, o carro estará disponível para clientes e os pedidos podem ser feitos desde já", completou.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias WEC
Equipes Kolles Racing
Tipo de artigo Últimas notícias