Toyota garante permanência no WEC até fim de 2019

compartilhar
comentários
Toyota garante permanência no WEC até fim de 2019
Por: Gary Watkins
Traduzido por: Gabriel Carvalho
31 de mar de 2017 12:09

Fabricante japonesa anunciou que segue na classe LMP1 do Mundial de Endurance pelo menos até o final da temporada 2019

A Toyota segue na classe LMP1 do Mundial de Endurance até o final da temporada 2019. A confirmação da permanência veio após o congelamento das regras da classe principal do WEC, anunciado em novembro do ano passado.

Rob Leupen, diretor do time, explicou que a continuação das atuais regras - com o WEC adiando então a introdução de novas regras que aumentariam o espaço para os sistemas de recuperação de energia, que estavam previstas para 2018 - teve papel fundamental na decisão.

“Seguiremos pelo menos até o fim de 2019. Isso já estava decidido, só não havia sido anunciado. As regras nos ajudam a sermos efetivos em termos de custos, mas no fim o ponto é a relevância disso para as ruas", disse Leupen.

“Queremos mostrar nossa tecnologia no WEC, é importante que mantenhamos o desenvolvimento dos motores híbridos", afirmou.

A decisão de permanecer no WEC por pelo menos mais três temporadas é uma mudança em relação ao que os japoneses tinham - um envolvimento sem fim definido, com um comprometimento garantido até o final deste ano.

Porsche e Toyota decidiram ir além da redução de custos que veio com o congelamento das regras ao fazer um acordo de cavalheiros de não construir monocoques novos por duas temporadas.

A equipe alemã segue comprometida com a LMP1 até o fim de 2018, tendo estendido o programa que inicialmente era de três temporadas por mais duas.

Leupen, entretanto, reiterou as preocupações de Pascal Vasselon, diretor técnico da Toyota no WEC, sobre o regulamento da LMP1 de 2020 em diante, ressaltando que a necessidade da Toyota é poder desenvolver tecnologias que possam ser transferidas para as ruas.

“Se em 2020 a situação se encaminhar para uma rota totalmente diferente, não teremos interesse. Se permanecer em uma direção similar ao que temos hoje, seguimos muito interessados", explicou Leupen.

Os responsáveis pelo regulamento, a FIA (Federação Internacional de Automobilismo) e o Automóvel Clube do Oeste buscam reduzir os custos para encorajar a entrada de novas fabricantes na divisão, que hoje conta apenas com Porsche e Toyota.

Next article
Serra é confirmado na Aston Martin para 24 Horas de Le Mans

Previous article

Serra é confirmado na Aston Martin para 24 Horas de Le Mans

Next article

GALERIA: Porsche e Toyota revelam carros para LMP1 em 2017

GALERIA: Porsche e Toyota revelam carros para LMP1 em 2017
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria WEC
Equipes Toyota Racing
Autor Gary Watkins