Ex-técnico do Chelsea participa de Dakar 2018

André Villas-Boas, campeão da UEFA Europa League, vai estar presente na competição de carros no Dakar de 2018

André Villas-Boas, de 40 anos, estará ao volante de um Toyota Hilux na categoria de carros, com Ruben Faria, ex-piloto da classe de motos, no maior rali do mundo, o Dakar, na edição de 2018.

O português disse que considerou participar da corrida em uma moto antes de aceitar conselhos para entrar na categoria de carros.

"Falei com o meu amigo Alex Doringer, da equipe da KTM, que me disse que eu ainda precisaria de uma preparação de um ano inteiro para competir [em uma moto] e que era melhor estar em um carro primeiro", afirmou Villas-Boas.

"Então, entrei em contato com Team Overdrive [Toyota] e aqui estou eu!"

Como técnico, Villas-Boas ganhou a UEFA Europa League com o Porto, em 2011, indo parar no Chelsea logo depois.

Ele foi demitido da equipe inglesa sem treinar uma temporada completa, e mais tarde se juntou a outra equipe de Londres, o Tottenham, onde também teve passagem curta.

Mais recentemente, Villas-Boas treinou o Zenit, da Rússia e o Shanghai SIPG da China.

Seu navegador do Dakar 2018, Faria, tem sido um competidor regular no evento com a KTM na última década, terminando como vice-campeão em 2013.

Ele se aposentou das motos em tempo integral no ano passado.

"Quando André me ligou para propor que eu me juntasse a ele, tive que pensar sobre isso por pelo menos cinco segundos", brincou Faria.

"É um grande desafio e acho que podemos fazer um bom Dakar, o que significa chegar ao bivouac todas as noites e não muito tarde."

O Rally Dakar de 2018 - a 40ª edição do evento - acontecerá entre os dias 6 e 20 de janeiro, abrangendo Peru, Bolívia e Argentina.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Dakar
Tipo de artigo Últimas notícias