BBC rescinde contrato, e F1 muda de emissora na Inglaterra

compartilhar
comentários
BBC rescinde contrato, e F1 muda de emissora na Inglaterra
Jonathan Noble
Por: Jonathan Noble
21 de dez de 2015 14:29

Emissora desistiu de contrato que tinha ainda três anos de validade para cortar custos; Channel 4 assume as transmissões

Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1 Team, conversa com a imprensa
Sergio Perez, Sahara Force India F1 with Suzi Perry, BBC F1 Presenter and David Coulthard, Red Bull Racing and Scuderia Toro Advisor / BBC Television Commentator
Romain Grosjean, Lotus F1 Team with Eddie Jordan, BBC Television Pundit

A BBC anunciou que rescindiu o seu contrato para cobrir Fórmula 1, abrindo a porta para o esporte ser transmitido pelo Channel 4 na Inglaterra. Seguindo o aumento da especulação durante a semana passada, a BBC anunciou na segunda-feira que "relutantemente" teve que abandonar a cobertura do esporte.

O Channel 4, entretanto, confirmou um contrato de três anos para se tornar o lar da Fórmula 1 no Reino Unido. Já a Radio BBC 5 ampliou seu acordo de cobertura até 2021.

Barbara Slater, diretora da BBC esporte, explicou."A situação financeira atual da BBC significou ter algumas escolhas difíceis e não desejadas a serem feitas", disse.

A BBC teve que economizar 150 milhões de libras como parte de uma redução de custos geral - com 35 milhões de libras dessas economias provenientes de sua divisão de esportes.

Slater acrescentou: "Uma parte significativa do objetivo de poupança da BBC Sport será entregue através da rescisão imediata do nosso acordo de direitos televisivos com a Fórmula 1.

"Qualquer decisão de ter de parar de transmitir um determinado esporte ou evento desportivo é extremamente decepcionante e levado com relutância. Não há soluções fáceis, todas as opções disponíveis seriam impopulares com o público", completou.

Channel 4 assume

Channel 4 anunciou que vai transmitir ao vivo 10 corridas, incluindo treinos e sessões qualificativas até 2018.

Ele também vai transmitir destaques de todas as 21 corridas da temporada de 2016.

"Eu sinto muito que a BBC não conseguiu cumprir seu contrato, mas estou feliz que nós temos agora uma emissora que pode transmitir a Fórmula 1 sem intervalos comerciais durante a corrida", disse Bernie Ecclestone.

"Estou confiante de que o Channel 4 vai conseguir não só manter a forma como a BBC realizava a transmissão no passado, mas também trará uma nova abordagem do Mundial de Fórmula 1"

Próxima Fórmula 1 matéria
Prost: Renault esteve "muito perto" de desistir da F1

Previous article

Prost: Renault esteve "muito perto" de desistir da F1

Next article

Renault paga dívidas e finaliza compra da Lotus

Renault paga dívidas e finaliza compra da Lotus
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Autor Jonathan Noble
Tipo de matéria Últimas notícias