Coulthard: "Luta entre Hamilton e Vettel fará história"

compartilhar
comentários
Coulthard:
17 de ago de 2018 15:45

David Coulthard acredita que o duelo entre Lewis Hamilton e Sebastian Vettel pelo campeonato da Fórmula 1 de 2018 terá seu lugar na história da categoria

Valtteri Bottas, Mercedes AMG F1 W09, leads Sebastian Vettel, Ferrari SF71H, Kimi Raikkonen, Ferrari SF71H, Max Verstappen, Red Bull Racing RB14, and the remainder of the field at the start of the race
Mark Webber, and David Coulthard, Channel 4 F1 on the grid
Lewis Hamilton, Mercedes-AMG F1 W09
Race winner Lewis Hamilton, Mercedes-AMG F1 in the Press Conference
Lewis Hamilton, Mercedes-AMG F1 and Sebastian Vettel, Ferrari celebrate in parc ferme
Sebastian Vettel, Ferrari SF71H
Lewis Hamilton, Mercedes-AMG F1 and Sebastian Vettel, Ferrari celebrate on the podium
Podium: race winner Lewis Hamilton, Mercedes AMG F1, second place Sebastian Vettel, Ferrari, third place Kimi Raikkonen, Ferrari
Sebastian Vettel, Ferrari in Parc Ferme

David Coulthard não esconde o prazer gerado pela luta pelo título travada entre Lewis Hamilton e Sebastian Vettel neste ano. Na metade da temporada, 24 pontos separam o britânico, o líder, do alemão, mas o nível de competitividade da Ferrari sugere que tudo pode mudar. A menos que a Scuderia sofra uma incrível sequência de derrotas, como no segundo semestre de 2017, a batalha parece ter todas as chances de continuar até o último GP.

O domínio da Mercedes, que começou com o início da era híbrida em 2014, claramente se apagou e, enquanto a fabricante alemã continua sendo uma referência no topo da categoria principal, ela não está mais sozinha. Com um tetracampeão mundial de cada lado, todos os ingredientes se combinam para oferecer um cenário impressionante.

"Nesta temporada, temos uma das melhores batalhas pelo título em muito tempo, e talvez até a melhor, ela ficará na história", disse Coulthard ao Sport Bild.

Leia também:

"Lewis e Sebastian não são apenas extremamente rápidos e focados, mas também têm personalidades completamente diferentes, e com Valtteri Bottas e Kimi Räikkönen, eles têm dois bons companheiros de equipe."

No entanto, apesar de uma vantagem de desempenho que parecia clara no carro vermelho, Vettel e Ferrari perderam a liderança do campeonato antes das férias de verão. Principalmente pelo erro cometido pelo piloto alemão em casa, quando saiu da pista na chuva que atingiu parcialmente Hockenheim. No caso desse erro, como no de outros, o momento ainda não está no balanço de Coulthard.

"No final, os pontos fortes serão o fator decisivo, não os pontos fracos", disse o escocês. "É graças a suas forças que eles estão na frente. Só depois de Abu Dhabi podemos descobrir quem cometeu mais erros e quantos pontos isso custou. Não antes."

Quanto à óbvia diferença de personalidade entre os dois candidatos ao título mundial, o ex-piloto da McLaren vê isso como uma oportunidade para ampliar a batalha pelo topo.

"Na verdade, ele (Hamilton) não gosta de problemas. No ano passado, depois de Baku, se recusou a falar para esclarecer as coisas com Vettel. Sebastian é igual, mas é uma pessoa muito madura. Acho que se respeitam no esporte, mas são muito diferentes."

Próxima Fórmula 1 matéria
Na F1, Gasly diz que sente falta de lutar por vitórias

Previous article

Na F1, Gasly diz que sente falta de lutar por vitórias

Next article

Kubica diz que esforço vem de “70% da mão esquerda” após acidente

Kubica diz que esforço vem de “70% da mão esquerda” após acidente
Load comments