Massa mostra decepção com corrida em Cingapura: “Desastre”

Brasileiro, 11º neste domingo, relata dificuldades estratégicas no molhado, mas pondera: “Poderia ter sido pior”

Felipe Massa lamentou uma corrida “desastrosa” em Cingapura, quando terminou fora dos pontos, em 11º lugar, o penúltimo entre aqueles que receberam a bandeirada.

O brasileiro relatou dificuldades com a estratégia na pista molhada, que, afetada por uma escolha errada no uso de pneus, impediu que ele lutasse mais à frente na zona de pontuação da prova.

Massa iniciou o GP com pneus de chuva forte, enquanto que vários outros, incluindo os lídereres, largaram de intermediários. Contudo, ele demorou para fazer a troca para intermediários, o que o fez perder terreno durante a prova.

“Estou decepcionado com minha corrida. Antes de tudo, larguei com os pneus errados, o que foi decisão minha, mas acho que, naquele momento, você nunca sabe o que vai acontecer. Muitos carros decidiram o mesmo que eu, outros decidiram diferente, mas foi meu erro”, disse.

“Então, eu estava perdido na pista, muito devagar. Quando o safety car saiu, pedi para parar, mas a equipe decidiu me manter na pista. Eles diziam que, talvez, a pista ia secar. Eu estava lá atrás, então foi minha única chance na corrida. No fim, não parei. Eu estava tão lento que minha corrida acabou.”

“Estou decepcionado com minha corrida, mas não pela equipe, porque Lance [Stroll] conseguiu marcar pontos. No fim, poderia ter sido pior, olhando onde começamos. Não foi tão ruim para a equipe, mas foi um desastre para mim”, completou.

Com o resultado, Massa permanece em 11º no campeonato, apenas três pontos à frente de Lance Stroll, oitavo em Cingapura.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP de Cingapura
Pista Singapore Street Circuit
Tipo de artigo Últimas notícias