Para dono da F1, categoria "ainda é fantástica"

Donald Mackenzie, do grupo CVC - acionista majoritário da categoria - diz que GP dos Estados Unidos mostrou que F1 ainda é capaz de dar aos fãs corridas emocionantes;

Para os donos da F1, a categoria tem condições de apresentar um bom espetáculo para os fãs. Quem falou sobre o tema foi Donald Mackenzie, do grupo CVC, acionista majoritário da categoria. O dirigente elogiou o movimentado GP dos Estados Unidos, que viu Lewis Hamilton vencendo e conquistando o tricampeonato, citando a prova como exemplo.

"Foi (uma corrida) brilhante, não? Costuma ser assim quando chove. Fiquei feliz por Lewis e pelos fãs, estava preocupado com as circunstâncias que poderiam impedir a realização da corrida. Felizmente a prova foi realizada e vimos uma disputa fantástica", disse.

"O que vimos é que, com os ingredientes corretos, a F1 ainda é fantástica. Você viu a Red Bull, com menos potência mas mais aderência, andando na frente na pista úmida.

Além disso, Mackenzie é um dos apoiadores da ideia de Bernie Ecclestone por um motor V6 biturbo, padronizado, para equipes que não são apoiadas pelas grandes fabricantes. "Sei que Bernie gostaria de uma alternativa, a situação atual não é saudável. Se encontrarmos um motor alternativo com um preço razoável, será algo muito bem-vindo"

Ao mesmo tempo, o dirigente nega as afirmações recentes do chefão da categoria, que afirma que o grupo será obrigado a vender as ações em breve - o que poderia  acontecer antes do final deste ano. 

"Não somos obrigados a vender. Não ficaremos aqui pra sempre, mas não há nada que nos obrigue a vender nossas ações. Bernie costuma dizer coisas que ganham outro significado (quando publicadas)", completou.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento GP dos EUA
Pista Circuit of the Americas
Tipo de artigo Últimas notícias