Red Bull está certa que pode vencer últimas corridas do ano

Equipe acredita que agora tem carro que pode vencer as duas últimas provas de 2017, caso não receba punições de motor

O RB13 fez grande progresso em corridas recentes e Max Verstappen conseguiu vencer na Malásia e no México.

Mas a Red Bull está consciente de que a Renault tem dores de cabeça quando o assunto é confiabilidade, especialmente depois que Daniel Ricciardo foi forçado a abandonar com um novo motor no domingo.

Quando perguntado pelo Motorsport.com se a Red Bull agora acreditava que seu carro era forte o suficiente para lutar contra Mercedes e a Ferrari em termos nas duas últimas corridas, o chefe da equipe, Christian Horner, disse: "Sim. Mas estamos sujeito a penalidades."

"As últimas quatro corridas tivemos o carro mais rápido em um domingo. Espero que o Brasil possa ser uma boa pista para nós e porque não Abu Dhabi? Seria ótimo terminar a temporada com pelo menos mais uma vitória."

Horner disse que a saída de Ricciardo do México era especialmente frustrante, porque ele havia recebido uma mudança de motor antes da corrida para evitar a possibilidade de falha.

Também é preocupante que a MGU-H quebrada de Ricciardo possa ser "insalvável", o que pode significar que ele tenha outra punição de mudança de motor para a próxima corrida em Interlagos.

"Acho que temos que passar por todos as peças e descobrir o que restou e o que não temos", disse Horner.

"Eu não me sentei com os rapazes para analisar em detalhes, mas espero que possamos ter algo."

"Não tenho dúvidas de que eles vão fazer uma análise séria sobre os motivos de ir tão mal no México. É fantástico que conseguimos ganhar, mas houve muitas falhas durante o fim de semana."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Equipes Red Bull Racing
Tipo de artigo Últimas notícias