Ricciardo não quer traçar objetivos para GP da Austrália

Mesmo assim, piloto da Red Bull mantém otimismo, principalmente quando a F1 estiver em sua fase europeia

Daniel Ricciardo acredita que a situação da Red Bull é muito melhor em comparação ao mesmo período do ano passado.

Mesmo assim, o australiano acredita que seja melhor não traçar qualquer objetivo para a corrida em casa, que abre o campeonato de 2016.

"Primeiro, estou ansioso para correr", disse Ricciardo. "Não vou colocar objetivos de onde vamos terminar a prova."

"Não quero levantar esperanças com qualquer coisa. Estou indo para desfrutar do fim de semana. Primeiro porque vamos correr, segundo porque vamos aproveitar o sol e estar em casa."

"Não quero criar expectativas, mas ao mesmo tempo, vou para competir e espero estar na frente."

"Acho que será parecido com o final do ano passado. Devemos estar perto da Williams e Force India."

"A principal questão será o quão longe estaremos da Ferrari e da Mercedes."

Progressos da Renault

Ricciardo continua esperançoso de que a Renault será capaz de fornecer mais atualizações do que no ano passado para a sua unidade de potência.

"Toda a equipe nos deu muita confiança de que vamos dar passos maiores este ano com nosso motor", disse. "Nos disseram para ser conservadores nas primeiras corridas e não esperar muito, mas acho que quando chegarmos à Europa, espero obter um grande passo que nos coloque mais à frente."

"Acredito que estamos no caminho certo. Os testes têm sido muito melhores para nós até agora do que foram nos últimos dois anos, então vamos ver como podemos avançar."

Ricciardo vai entregar o carro amanhã ao companheiro de equipe Daniil Kvyat antes de regressar na sexta-feira para o último dia de testes. 

Relatos adicionais por Jamie Klein

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Evento Testes de março em Barcelona
Pista Circuit de Barcelona-Catalunya
Pilotos Daniel Ricciardo
Equipes Red Bull Racing
Tipo de artigo Últimas notícias