Sem peças, Haas pede para que pilotos evitem acidentes

compartilhar
comentários
Sem peças, Haas pede para que pilotos evitem acidentes
8 de jun de 2018 12:20

Equipe americana utiliza novo pacote aerodinâmico e tem dificuldades para contar com itens de reposição em Montreal

A Haas alertou sua dupla de pilotos para evitar ao máximo os acidentes no GP do Canadá, já que a equipe não conta com peças de reposição em seu pacote aerodinâmico.

O time americano contará com um novo conjunto de peças, que inclui uma asa dianteira, um assoalho e defletores para cada piloto. Segundo explicou o chefe da Haas, Gunther Steiner, a situação para a corrida de Montreal é crítica nesse sentido.

“A situação de peças reservas, com peças antigas, é bem ruim”, disse, segundo o site oficial da F1. “Acho que, na posição em que nos encontramos agora, tivemos alguns acidentes recentemente, então isso nunca ajuda. Ao mesmo tempo, estamos planejando as novidades, então há as duas coisas acontecendo e você acaba sem peças. É uma daquelas coisas.” 

Antevendo a situação, Steiner explicou que a Haas quis evitar o dano excessivo a peças no carro ao remover alguns componentes para o GP de Mônaco, o que ajuda a explicar o rendimento apagado de Romain Grosjean e Kevin Magnussen no principado.

“Em Monte Carlo, tivemos problemas. Tivemos de tirar algumas peças do carro simplesmente para não perdê-las. Estávamos conscientes para não colocar nada em risco”, comentou.

“Sabemos o quanto de pressão aerodinâmica que perdemos com aquilo. ‘Uau, nós rendemos mal e não sabemos por quê’. Nós sabemos o motivo, e isso é uma coisa boa.”

Próxima Fórmula 1 matéria

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento GP do Canadá
Localização Circuit Gilles-Villeneuve
Tipo de matéria Últimas notícias