Vettel diz que ritmo de corrida de rivais pode ser enganoso

compartilhar
comentários
Vettel diz que ritmo de corrida de rivais pode ser enganoso
Por: Matt Beer
14 de mar de 2018 10:20

Sebastian Vettel, da Ferrari, acredita que o forte ritmo de corrida de Mercedes e Red Bull durante a pré-temporada da F1 pode se mostrar enganoso.

Sebastian Vettel, Ferrari SF71H
Sebastian Vettel, Ferrari SF71H
Sebastian Vettel, Ferrari SF71H
Sebastian Vettel, Ferrari SF71H
Sebastian Vettel, Ferrari SF71H and practice starts
Sebastian Vettel, Ferrari SF71H
Valtteri Bottas, Mercedes-AMG F1 W09
Lewis Hamilton, Mercedes-AMG F1 W09
Daniel Ricciardo, Red Bull Racing RB14
Daniel Ricciardo, Red Bull Racing RB14

A análise dos tempos dos testes sugeriram que a Mercedes tinha uma clara vantagem em ritmo de corrida em Barcelona, sendo que a Ferrari potencialmente foi superada pela Red Bull depois de ter sido a principal rival da campeã em 2017.

Mas Vettel considera que o fato de Mercedes e Red Bull terem feito simulações de corrida inteiramente com pneus médios significa que suas performances possam não ser representativas.

A Ferrari dominou a tabela de tempos com as marcas obtidas em stints mais curtos, calçados com os pneus mais macios da Pirelli, enquanto que houve indícios de que a Mercedes estava tendo dificuldades com as temperaturas dos pneus com os compostos mais moles.

“Nossos competidores – Mercedes e Red Bull – usaram um tipo de pneu por suas simulações de corrida, o que é algo que não se faz em um GP”, disse Vettel.

“Isso tem um impacto nas estratégias e, no fim, no resultado.”

Ele insistiu que a Ferrari teve uma pré-temporada forte e que iria ao GP da Austrália em forma tão boa quanto as rivais.

“Acho que estamos começando com uma boa base com nosso SF71H”, acrescentou Vettel. “Agora temos de trabalhar no desenvolvimento para explorar e melhorar ainda mais seu potencial.”

“Tenho muita confiança em nosso time. Sei o quão habilidosos e comprometidos os caras em Maranello são.”

“Nós também fizemos um bom trabalho em termos de quilometragem, acumulando 4323 km. Tive a melhor marca em 188 voltas em um dia, o que é 875 km, com um total de quase 3000 km.”

“Não tivemos maiores problemas com o carro e me diverti o guiando. Mal posso esperar para estar na Austrália, porque uma vez que chegarmos à pista, todos estaremos guiando e competindo sob as mesmas condições.”

“E, como disse antes, tenho confiança em nosso carro.”

Próxima Fórmula 1 matéria
Todt se diz perplexo com críticas de pilotos ao halo

Previous article

Todt se diz perplexo com críticas de pilotos ao halo

Next article

Vasseur não acredita em sucesso da Sauber em curto prazo

Vasseur não acredita em sucesso da Sauber em curto prazo
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Sebastian Vettel Shop Now
Equipes Ferrari Shop Now
Autor Matt Beer
Tipo de matéria Últimas notícias