Williams está trabalhando duro em atualizações, diz Lowe

compartilhar
comentários
Williams está trabalhando duro em atualizações, diz Lowe
Adam Cooper
Por: Adam Cooper
Traduzido por: Daniel Betting
19 de jun de 2018 10:50

Chefe técnico da Williams, Paddy Lowe está convencido de que a equipe não desistiu de melhorar seu carro de 2018, apesar de já ter começado a trabalhar no pacote para 2019

Sergey Sirotkin, Williams Racing, with Paddy Lowe, Williams Racing
Sergey Sirotkin, Williams FW41
Paddy Lowe, Williams Shareholder and Technical Director, Robert Fearnley, Force India F1 Team Deputy Team Principal and Anthony Rawlinson, Jopurnalist
Sergey Sirotkin, Williams FW41
Sergey Sirotkin, Williams FW41
Sergey Sirotkin, Williams FW41
Sergey Sirotkin, Williams FW41
Sergey Sirotkin, Williams FW41 pit stop

A péssima temporada da Williams continuou com um difícil GP do Canadá, no qual a equipe de Grove foi a mais lenta. Lance Stroll e Sergey Sirotkin se classiificaram em 17º e 18º antes de Stroll sair na primeira volta, enquanto o russo terminou em 17º e último.

O chefe técnico da Williams, Paddy Lowe, disse ao Motorsport.com que a equipe está trabalhando duro em atualizações para o FW41, algumas das quais simplesmente levaram tempo para passar pelo sistema.

"Já estamos trabalhando no próximo ano em paralelo, mas não desistimos deste ano. Estamos tendo muito trabalho na base, um trabalho muito significativo, ainda não apareceu no carro.”

"Estamos explorando algumas coisas e há outras coisas mais importantes que levam muito tempo.”

Lowe insistiu que a Williams não está sofrendo com as recentes saídas do designer-chefe Ed Wood e do diretor de aerodinâmica, Dirk de Beer, apesar dos óbvios prazos envolvidos na contratação de novas pessoas. A equipe reformulou as responsabilidades entre os funcionários existentes.

"Estamos realmente em boa forma, temos um bom time unido no momento. Temos os principais ingredientes que precisamos para trabalhar no carro deste ano e projetar o carro do próximo ano.”

"Continuaremos construindo e reforçando, mas não nos falta o esforço certo nas áreas certas no momento".

Lowe também disse que o abandono de Stroll ainda na primeira volta do GP do Canadá encerrou uma triste corrida em casa para o jovem.

"O acidente foi muito lamentável, mas não estaríamos correndo por pontos a menos que algo muito dramático tivesse acontecido", disse Lowe. "Nós sentimos muito que não trouxemos um carro mais competitivo para ele.”

"Foi decepcionante para seus fãs. Você viu que eles organizaram uma arquibancada, e eu entendo que eles tiveram que aumentá-la, já que nunca venderam tantos lugares para isso na história da corrida."

Próxima Fórmula 1 matéria
Red Bull oficializa acordo com a Honda para 2019

Previous article

Red Bull oficializa acordo com a Honda para 2019

Next article

Honda quer que Red Bull não “desça de nível” na F1

Honda quer que Red Bull não “desça de nível” na F1
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Equipes Williams
Autor Adam Cooper
Tipo de matéria Últimas notícias