Williams: "Rótulo de piloto pagante de Stroll me irrita"

compartilhar
comentários
Williams:
Por: René Fagnan
Co-autor: Erwin Jaeggi
Traduzido por: Daniel Betting
18 de mai de 2018 09:49

Claire Williams, vice-chefe da Williams, conversou com Erwin Jaeggi, do Motorsport.com, sobre o piloto canadense Lance Stroll, agora em sua segunda temporada na F1

Claire Williams, Deputy Team Principal, Williams
Claire Williams, Williams Deputy Team Principal
Lance Stroll, Williams
Lance Stroll, Williams Racing
Lance Stroll, Williams FW41, climbs out of his car and is assisted by marshals after spinning into the gravel
Lance Stroll, Williams FW41
Lewis Hamilton, Mercedes-AMG F1 and Lance Stroll, Williams on the drivers parade
Claire Williams, Deputy Team Principal, Williams Martini Racing
Lance Stroll, Williams FW41
Lance Stroll, Williams FW41

O novo Williams FW41, com motor Mercedes, ainda não entregou resultados satisfatórios na temporada 2018 da F1, com Lance Stroll acumulando apenas quatro pontos até agora, enquanto seu companheiro de equipe, Sergey Sirotkin, ainda não conseguiu somar nenhum.

Claire Williams está decepcionada com a falta de resultados, e como ela classifica a temporada de Lance Stroll até agora?

"Ele fez um ótimo trabalho, na verdade, e Lance recebeu muitas críticas que eu considero injustas", disse Claire Williams.

“Acredito que muito da conversa que você ouve na mídia encobre seu talento e eu acho isso uma vergonha. Mas ele lidou com isso admiravelmente. Com 18 anos e tendo que enfrentar esse nível de análise e crítica pode ser incrivelmente desanimador e autodestrutivo. Eu acho incrivelmente injusto na verdade, mas apesar disso ele conseguiu manter a cabeça erguida e continuou com o que ele precisa para seguir em frente. Infelizmente, para os nossos pilotos, é difícil quando o carro não é tão competitivo quanto necessário.”

Em quais áreas Stroll melhorou mais desde sua temporada de estreia no ano passado? "Eu acho que provavelmente, da minha perspectiva, a sua abordagem para competir nos fins de semana de corrida", respondeu.

“Estou falando sobre todo o barulho ao redor dele. Isso pode ser incrivelmente perturbador e eu acho que ele realmente aprendeu a lidar com esse barulho e focar no que é realmente importante. Eu acho que ele fez um bom trabalho para ter certeza de que ele pode simplesmente calar a boca e fazer o que ele precisa na pista. Ele está muito envolvido com toda a equipe, com a equipe de engenharia. Ele passa muito tempo na fábrica”.

"Também acho que todos os pilotos precisam melhorar em todas as áreas, seja no desempenho na classificação ou no desempenho de corrida. Eu nunca diria: acho que nossos pilotos precisam melhorar aqui ou ali. Isso não é algo que faríamos na Williams. Essas são questões que precisamos concentrar diretamente em nossos pilotos, ao invés de falar sobre suas fraquezas na mídia”, continuou ela.

Ambos os pilotos foram rotulados de pilotos pagantes por alguns porque eles trazem dinheiro e patrocinadores para a equipe. Stroll e Sirotkin foram escolhidos por causa de seus talentos ou por causa do dinheiro que podem trazer para a equipe?

“O título do piloto pagante realmente me irrita. Eu acho que é um erro grosseiro”, respondeu.

“Eu acho que os pilotos podem trazer dinheiro. Muitos pilotos trazem dinheiro para este esporte através de um meio ou outro. Os pilotos têm parceiros que os seguem de equipe para equipe e, no entanto, como esses pilotos podem ser bem-sucedidos, eles não são classificados como pagantes. Eu só acho que é uma maneira muito negativa de apenas tentar criticar um piloto quando realmente não há críticas que devam ser niveladas”.

“Este é um esporte muito caro e equipes como a nossa precisam de orçamento para sobreviver, isso é uma realidade. Nós não escolhemos nossos pilotos exclusivamente com base em quanto dinheiro eles trazem. Eles também precisam trazer talento. Se eles chegam com apoio financeiro, isso é ótimo. E invariavelmente somos nós quem lutamos por esse apoio financeiro. Não é apenas alguém que vem e assina um grande cheque e você diz muito obrigado. Você tem que vender sua equipe. Você tem que ter certeza de que o que esses investidores estão trazendo ou pagando, obtêm um retorno sobre o investimento. Não se trata apenas de comprar um assento, são todos os outros ativos que acompanham isso”, concluiu.

Next article
Ricciardo: F1 deveria levar os hipermacios a todos os GPs

Previous article

Ricciardo: F1 deveria levar os hipermacios a todos os GPs

Next article

Preocupações com confiabilidade atrasam MGU-K da Renault

Preocupações com confiabilidade atrasam MGU-K da Renault
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Lance Stroll Shop Now
Equipes Williams
Autor René Fagnan
Tipo de matéria Últimas notícias