Scott Dixon vence pela quarta vez nas últimas seis provas em Mid-Ohio

Neozelandês contou com ótimo trabalho da Ganassi para ultrapassar Will Power nos boxes e não largou mais a ponta

Dixon comemora vitória em Mid-Ohio

O neozelandês Scott Dixon, da Ganassi, venceu a 12º etapa da Fórmula Indy, disputada nesse domingo em Mid-Ohio, EUA. Dixon, que largou em quarto. pulou para segundo após a primeira parada e aproveitou o melhor trabalho de sua equipe no segundo pit ultrapassar Will Power e assumir a ponta.

“Tive de lutar bastante com o carro no começo, mas depois tudo melhorou. Quero agradecer a equipe pelo excelente pit-stop”, comerou Dixon, após a prova. Essa foi a quarta vitória do piloto da Nova Zelândia nas últimas 6 corridas em Mid-Ohio. Ele já havia vencido também em 2007, 2000 e 2011.

Will Power, o pole position, chegou em segundo. Com o resultado, Power assumiu a ponta do campeonato, com 379 pontos, cinco de vantagem para Ryan Hunter-Reay. O americano da Andretti, que liderava a competição antes dessa prova, teve um dia bastante complicado e terminou na 24ª colocação. Helio Castroneves também não foi bem, ficou em 16º e caiu da segunda para a terceira colocação no geral.

Quem fez uma grande prova foi o brasileiro Tony Kanaan, que largou em 18º e com uma estratégia agressiva e muita velocidade, chegou em sexto. Já seu companheiro de equipe, Rubens Barrichello  chegou a andar entre os 10 primeiros, após fazer uma ótima largada, mas perdeu rendimento durante a prova e terminou apenas na 15º colocação, logo à frente de Helio Castroneves.

“Somei pontos importantes para o campeonato e mais cedo ou mais tarde voltarei a vencer”, disse o novo líder do campeonato Will Power, que não termina me primeiro desde abril, no GP de São Paulo.

Apesar da previsão de chuva, a prova foi disputada no seco e Will Power, o pole, manteve a ponta na largada, seguido por Dario Franchitti. O escocês da Ganassi teve problemas após o primeiro pit e caiu para a quarta posição. Mais tarde, acabou tendo de trocar o bico e terminou apenas em 17º. Com a perda de rendimento de Franchitti, Dixon e Sebastién Bourdais passaram a perseguir Will Power que permanecia na ponta.

Enquanto isso, Barrichello em nono, tentava se aproximar de Ryan Briscoe e Tony Kanaan forçava o ritmo para ganhar posições. Rubinho, porém, acabou perdendo muitas posições após a segunda parada e não conseguiu mais se recuperar. Já Tony continuou subindo posições para terminar em sexto.

Quem também não se deu bem na segunda parada foi Will Power. O australiano viu sua equipe demorar um pouco mais que a Ganassi e perdeu a primeira posição para Scott Dixon, que não largou mais a ponta.

Hunter-Reay e Helinho, até então líder e vice-líder do campeonato não tiveram um bom dia. Helinho, que largou em 23º, após perder 10 posições por ter trocado de motor, ficou o tempo todo no pelotão de trás, terminando em 16º. O brasileiro sofreu um acidente durantes os treinos e correu com a mão machucada. Já o americano da Andretti até que andou um bom tempo entre os sete primeiros, mas perdeu rendimento e foi para o pelotão de trás. Mas tarde acabou sendo tocado por Takuma Sato, saiu da pista e mais tarde abandonou. 

A próxima etapa da categoria acontece em 3 semanas em Sonoma, na Califórnia

Confira o resultado da etapa de Mid-Ohio:

1º) Scott Dixon (NZL/Chip Ganassi-Honda), 85 voltas
2º) Will Power (AUS/Penske-Chevrolet), a 3s4619
3º) Simon Pagenaud (FRA/Schmidt Hamilton-Honda), a 4s5402
4º) Sébastien Bourdais (FRA/Dragon-Chevrolet), a 5s5822
5º) James Hinchcliffe (CAN/Andretti-Chevrolet), a 7s5663
6º) Tony Kanaan (BRA/KV-Chevrolet), a 12s3280
7º) Ryan Briscoe (AUS/Penske-Chevrolet), a 27s9601
8º) Marco Andretti (EUA/Andretti-Chevrolet), a 28s1691
9º) J. R. Hildebrand (EUA/Panther-Chevrolet), a 29s2325
10º) Alex Tagliani (CAN/BHA-Honda), a 31s1722
11º) Graham Rahal (EUA/Chip Ganassi-Honda), a 31s4387
12º) Josef Newgarden (EUA/Fisher Hartman-Honda), a 32s0754
13º) Takuma Sato (JAP/Rahal Letterman-Honda), a 32s4073
14º) Giorgio Pantano (ITA/Chip Ganassi-Honda), a 33s9166
15º) Rubens Barrichello (BRA/KV-Chevrolet), a 35s2863
16º) Hélio Castroneves (BRA/Penske-Chevrolet), a 35s9205
17º) Dario Franchitti (ESC/Chip Ganassi-Honda), a 36s9834
18º) Justin Wilson (ING/Dale Coyne-Honda), a 42s0974
19º) James Jakes (ING/Dale Coyne-Honda), a 46s4304
20º) Ernesto Viso (VEN/KV-Chevrolet), a 46s8068
21º) Mike Conway (ING/A. J. Foyt-Honda), a 46s9535
22º) Ed Carpenter (EUA/Carpenter-Chevrolet), a 1 volta
23º) Simona de Silvestro (SUI/HVM-Lotus), a 2 voltas
24º) Ryan Hunter-Reay (EUA/Andretti-Chevrolet), a 6 voltas
25º) Oriol Servià (ESP/DRR Panther-Chevrolet), a 7 voltas

Classificação do campeonato, após 12 etapas:

1º) Will Power, 379 pontos

2º) Ryan Hunter-Reay, 374

3º) Helio Castroneves, 353

4º) Scott Dixon, 351

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias IndyCar
Tipo de artigo Últimas notícias