Iannone revela ter opções fora da Suzuki para 2019

Piloto italiano diz que tem para onde ir na MotoGP se time japonês decidir não mantê-lo. Ex-campeão pela Suzuki, Kevin Schwantz é contra permanência

Andrea Iannone afirmou que tem ofertas para permanecer na MotoGP fora da Suzuki para a temporada de 2019, apesar de ele insistir que a renovação com a marca japonesa continua a ser a sua primeira escolha.

Em uma entrevista ao site oficial da MotoGP, Iannone revelou que tem propostas, mas afirmou que sua "prioridade" é permanecer com sua equipe atual.

"Com certeza nós discutimos sobre o meu futuro e também o futuro da Suzuki, mas eu não falo apenas com a Suzuki", disse Iannone. "Tenho outras propostas, mas sempre a prioridade é continuar com essa equipe”.

"O grupo é fantástico, e tenho uma sensação muito boa com os japoneses. Começamos a construção de uma situação realmente boa. Tenho um grande desafio comigo, quero chegar ao topo com a Suzuki porque vim aqui para isso."

Schwantz: Iannone não é bom acertador

O embaixador da Suzuki e campeão do mundo de 500cc em 1993, Kevin Schwantz tem criticado Iannone e já pediu à Suzuki para substituir o italiano no passado.

Em uma entrevista recente ao Motorsport.com, Schwantz comparou Iannone com o ex-companheiro de equipe de Wayne Rainey na Yamaha, John Kocinski – piloto que sentia que não era bom no desenvolvimento da moto.

"Iannone não é a escolha certa para a outra Suzuki", disse o americano. "Agora que Rins está pronto para mostrar todo o seu potencial, acho que ele se desenvolverá como piloto e dará sua contribuição técnica”.

"O outro cara nunca foi bom nisso. Todo mundo que ele já trabalhou com ele vai lhe dizer isso.”

"Na Ducati, ele tinha o cenário perfeito, onde tinha o melhor piloto de desenvolvimento, Andrea Dovizioso, como companheiro de equipe.”

"Ele poderia andar igual um merda durante todo o fim de semana, não tentar nada, não conseguir nada e depois apenas dizer: 'me dê o que o Dovi tem. Eu serei mais rápido que ele’.”

"Wayne Rainey costumava dizer a mesma coisa sobre Kocinski, que ele nunca quis fazer o trabalho duro e costumava dizer: 'eu vou com o que o Wayne for'.”

"Você tem que descobrir isso sozinho. E talvez esse fosse o problema de John. Ele não conseguia entender, assim como Andrea não consegue."

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias MotoGP
Pilotos Kevin Schwantz , Andrea Iannone
Equipes Team Suzuki Ecstar MotoGP
Tipo de artigo Últimas notícias