Suzuki anuncia Mir para a temporada de 2019

compartilhar
comentários
Suzuki anuncia Mir para a temporada de 2019
Oriol Puigdemont
Por: Oriol Puigdemont
11 de jun de 2018 11:13

A equipe Suzuki confirmou a promoção de Joan Mir, astro da Moto2, à MotoGP em 2019.

Joan Mir, Marc VDS
Joan Mir, Marc VDS
Joan Mir, Marc VDS
Joan Mir, Marc VDS
Joan Mir, Marc VDS Moto2
Alex Rins, Team Suzuki MotoGP
Andrea Iannone, Team Suzuki MotoGP
Alex Rins, Team Suzuki MotoGP
Podium: third place Joan Mir, Marc VDS Moto2

Mir, de 20 anos, substituirá Andrea Iannone na GSX-RR de fábrica para os próximos dois anos, ao lado de Álex Rins, que havia sido confirmado oficialmente em maio. 

Mir despontou como grande promessa nas corridas quando venceu o campeonato da Moto3 em seu segundo ano da categoria, em 2017, com 10 vitórias – a melhor marca desde Marc Márquez em seu título das 125cc, sete anos antes. 

Ele se adaptou rapidamente à Moto2 ao se juntar à Marc VDS, e atualmente está em quinto na tabela de pontuação, com pódios consecutivos em Le Mans e Mugello.

“Joan Mir tem apenas 20 anos e já é um campeão mundial, com impressionantes 10 vitórias no ano passado”, disse o chefe da equipe, Davide Brivio.

“Ele é feroz, espirituoso, legal e pode ser muito rápido. Todas as características que procuramos em um jovem piloto, que quer se juntar a nós não só pelo prestígio de uma moto de fábrica na principal categoria, mas mais do que tudo porque ele acredita em nosso projeto.”

“Falando com ele, percebi o quanto ele tem uma mente esclarecida, o quanto ele gostou de nosso projeto na Suzuki e quer se juntar a nós. Isso tem sido um grande impulso para nós.”

“Claro, sabemos muito bem que ele precisará de tempo para ganhar experiência e crescer com a gente, mas temos confiança total em seu potencial.”

O sucesso de Mir nas categorias inferiores o transformou em figura cobiçada o mercado de pilotos, e ele chegou a ter um pré-contrato com a equipe de fábrica da Honda.

Mas a opção não foi exercida, e a Suzuki procurou por Mir – a marca de Hamamatsu inicialmente procurou Jorge Lorenzo, que acabou se juntando à Honda. 

Mir se tornará o terceiro estreante escolhido pela Suzuki desde seu retorno à MotoGP, já que anteriormente contou com Maverick Viñales e Rins em 2015 e 2017, respectivamente. 

Viñales, agora na Yamaha, conquistou a vitória mais recente da equipe, em Silverstone, em 2016. 

“Como equipe, sempre tentamos pensar no desenvolvimento em longo prazo, o que também inclui apostas em jovens pilotos que sentimos que podem ser um investimento para o futuro”, disse o líder do projeto de MotoGP da Suzuki, Shinichi Sahara.

“Fizemos isso em nossa estreia em 2015, fizemos novamente em 2017, quando assinamos com Rins, que também foi confirmado para este ao, e estamos confirmando isso ainda mais com o acordo com Joan Mir.”

“Ele é um jovem talento que gostaríamos de ver crescer e nos ajudar a crescer com a GSX-RR e a equipe com ele.”

Grid de 2019 da MotoGP até o momento:

EquipePiloto
Repsol Honda

Marc Marquez

Jorge Lorenzo

Movistar Yamaha

Valentino Rossi

Maverick Vinales

Ducati

Andrea Dovizioso

Danilo Petrucci

Suzuki

Alex Rins

Joan Mir

Aprilia

Aleix Espargaro

Andrea Iannone

Red Bull KTM

Pol Espargaro

Johann Zarco

LCR Honda

Cal Crutchlow

A ser anunciado

Tech 3 KTM

Miguel Oliveira

Hafizh Syahrin

Pramac Ducati

Francesco Bagnaia

Jack Miller

Marc VDS*

A ser anunciado

Nieto*

A ser anunciado

Avintia*

Xavier Simeon

A ser anunciado

* Fabricante ainda não confirmada

Próxima MotoGP matéria
Aprilia confirma contratação de Iannone para 2019

Previous article

Aprilia confirma contratação de Iannone para 2019

Next article

Lorenzo: Mesmo sem vencer, já era melhor que Rossi na Ducati

Lorenzo: Mesmo sem vencer, já era melhor que Rossi na Ducati
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP
Pilotos Joan Mir
Equipes Team Suzuki Ecstar MotoGP
Autor Oriol Puigdemont
Tipo de matéria Últimas notícias