Viñales lidera teste de pneus da MotoGP em Barcelona

compartilhar
comentários
Viñales lidera teste de pneus da MotoGP em Barcelona
Jamie Klein
Por: Jamie Klein
23 de mai de 2018 16:44

Em treino para avaliar compostos no novo asfalto do Circuito da Catalunha, espanhol comanda atividades

O piloto da Yamaha, Maverick Viñales, foi o mais veloz no teste da MotoGP desta quarta-feira (23), em Barcelona. O espanhol fez uma volta de 1min38s974 para terminar 0s277 à frente do piloto da Tech3 Yamaha, Johann Zarco, segundo. Jorge Lorenzo, da Ducati, completou os três primeiros, 0s006 atrás do francês.

A pista contou com a antiga curva 12 restaurada, e a chicane instalada para a corrida do ano passado foi abandonada. O novo asfalto do Circuito de Barcelona-Catalunha tornou os tempos consideravelmente mais rápidos do que nos anos anteriores.

A volta de Viñales foi cinco segundos mais rápida do que a de Dani Pedrosa no ano passado e quase dois segundos mais veloz do que a de Aleix Espargaró em 2015 – última vez que a curva 12 foi utilizada durante todo o fim de semana da MotoGP.

No entanto, a versão antiga da curva 10, no final da reta oposta, ainda não está em uso, o que significa que os tempos ainda não são completamente comparáveis.

O objetivo do teste foi ajudar a Michelin a definir a sua gama de pneus para o GP da Catalunha do próximo mês e, portanto, não conta para a atribuição de cinco dias de testes privados por ano aos pilotos.

Cal Crutchlow foi o mais rápido na sessão da manhã a bordo da LCR Honda, mas foi apenas o quarto mais rápido à tarde, a 0s547 do ritmo estabelecido por Viñales.

Andrea Dovizioso foi o quinto mais rápido na segunda das Ducatis, seguido do líder do campeonato, Marc Márquez, na Honda de fábrica mais veloz.

O piloto da Suzuki, Andrea Iannone, que liderou o treino na terça-feira que envolveu apenas as três fabricantes que não estão sujeitas a limites de testes durante a temporada (Suzuki, Aprilia e KTM), foi o sétimo mais rápido na quarta-feira.

Tito Rabat não se machucou apesar de um forte acidente no início da tarde.

Além da Marc VDS Honda, as equipes Pramac e Nieto Ducati não participaram do teste.

Resultado:

Pos.PilotoMotoManhãTarde
1 25  Maverick Vinales Yamaha 1'39.923 1'38.974
2 5  Johann Zarco Yamaha 1'39.944 1'39.251
3 99   Jorge Lorenzo  Ducati  1'40.059  1'39.257 
4 35   Cal Crutchlow  Honda  1'39.642 1'39.521 
5  Andrea Dovizioso  Ducati  1'39.942  1'39.657 
6 93   Marc Marquez  Honda  1'39.663 1'39.714
7 29   Andrea Iannone Suzuki  1'39.666 1'39.952
8 46   Valentino Rossi  Yamaha  1'40.240 1'39.708
9 41   Aleix Espargaro  Aprilia  1'39.877  1'40.332
10 26   Dani Pedrosa  Honda  1'40.161  1'40.480
11 30   Takaaki Nakagami  Honda  1'40.924  1'40.187
12 44   Pol Espargaro  KTM  1'40.187  1'41.046
13 38   Bradley Smith  KTM  1'40.814  1'40.353
14 45   Scott Redding  Aprilia  1'40.998  1'40.385
15 42   Alex Rins  Suzuki  1'40.435  1'40.832 
16 55   Hafizh Syahrin  Yamaha  1'40.435  1'40.502
17 36   Mika Kallio KTM  1'40.949  1'41.712
18 53   Tito Rabat  Ducati  1'41.259  sem tempo
19 50  Sylvain Guintoli Suzuki 1'41.673 1'41.419
20 10  Xavier Simeon Ducati 1'41.440 1'41.722
Próxima MotoGP matéria

Sobre esta matéria

Categoria MotoGP
Pilotos Maverick Viñales
Equipes Movistar Yamaha MotoGP
Autor Jamie Klein
Tipo de matéria Relato de testes