Yamaha de 2018 será baseada no modelo 2016, confirma Rossi

Piloto italiano confirmou que a Yamaha adotará a versão baseada no modelo 2016 da M1, após o teste privado desta semana em Sepang

Valentino Rossi foi acompanhado pelo companheiro de equipe de obras Maverick Vinales e pelo da Tech 3 Johann Zarco na Malásia, onde foram feitas comparações entre as versões de 2016 e 2017 da M1.

Em Valência, o trio também passou o tempo considerando quais das duas motos deveriam ser a base para a máquina de 2018 da marca de Iwata.

Rossi revelou que todos os três concordaram em Sepang que a Yamaha deve abandonar a problemática moto de 2017 e ficar com a versão 2016 que Zarco usou durante sua temporada de estreia.

"Nós testamos a moto antiga, a de 2016", disse Rossi à Radio Deejay da Itália. "Nós deliberamos e todos concordamos que a moto de 2017 foi pior”.

"Ainda temos que ver como será a nova moto, isso será algo interessante. Mas a base da moto será a partir do modelo de 2016. Agora é um momento crítico. Entre agora e fevereiro, a Yamaha precisa dar um grande salto".

Refletindo sobre temporada em que terminou apenas no quinto lugar nos pontos, Rossi disse que seu erro foi assumir que o problema era com ele e não com a moto quando Viñales foi mais rápido no teste de Valência do ano passado.

"O problema foi quando Viñales chegou, ele foi muito rápido", acrescentou Rossi. "Eu testei e não gostei, mas pensei, talvez porque era o final da temporada e eu estava fora de forma”.

"Então continuamos com esse projeto [a moto 2017], mas isso foi um erro porque perdemos muito tempo".

Informação adicional de Matteo Nugnes

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias MotoGP
Pilotos Valentino Rossi
Equipes Movistar Yamaha MotoGP
Tipo de artigo Últimas notícias