NASCAR confirma utilização de novo pacote aerodinâmico em Michigan

compartilhar
comentários
NASCAR confirma utilização de novo pacote aerodinâmico em Michigan
Jim Utter
Por: Jim Utter
29 de jul de 2015 19:26

Pilotos questionaram a eficiência do pacote depois da prova em Indianápolis, mas a NASCAR mantém a decisão de utilizá-lo em Michigan

Largada
Largada: Joey Logano, Penske Racing Ford
Camarotes e área de imprensa de Michigan International Speedway e as nuvens se aproximando
Corrida
Jamie McMurray, Chip Ganassi Racing Chevrolet
Jeff Gordon, Hendrick Motorsports Chevrolet
Danica Patrick, Stewart-Haas Racing Chevrolet
Kyle Busch, Joe Gibbs Racing Toyota

A direção da NASCAR confirmou nesta quarta-feira (29) que, como planejado anteriormente, utilizará o pacote aerodinâmico para ovais longos nos carros da Sprint Cup para a etapa de Michigan, que será realizada no dia 2 de agosto.

Fontes confirmaram ao Motorsport.com que representantes das equipes participaram de uma reunião com os executivos da categoria nesta quarta e expressaram preocupação com o desempenho do pacote, que foi utilizado na etapa de Indianápolis, vencida por Kyle Busch.

A NASCAR, no entanto, segue com os planos de experimentar a configuração na etapa de Michigan – com pouquíssimas modificações ou sem alterações.

O pacote foi criado e implantado com o objetivo de aumentar as ultrapassagens e permitir que os carros andassem mais próximos uns dos outros, mas o resultado ficou muito aquém das expectativas na estreia, que aconteceu na Brickyard 400, realizada no último domingo.

Retorno negativo em Indianápolis

As reações dos pilotos, da mídia e do público após a corrida foi, em grande parte, negativa. De acordo com estatísticas fornecidas pela NASCAR, houve 16 trocas de liderança durante a prova, uma a mais do que na corrida de 2014 – ainda assim, o segundo número mais baixo desde 2011. Além disso, foram 587 ultrapassagens em bandeira verde a menos do que no ano anterior.

Mike Helton, vice-presidente da NASCAR, disse em entrevista à rádio SiriusXM que a equipe técnica da categoria continua a trabalhar para melhorar o produto e, consequentemente, o espetáculo.

"Queremos que o nosso produto agrade os fãs. Isso significa que a competição deve ser acirrada. Mas se você andar pela garagem e perguntar para 15 ou 20 pessoas o que eles entendem por “disputa acirrada”, você terá 15 opiniões diferentes”, observou.

Mas todos concordam que ultrapassagens e equilíbrio entre os concorrentes permitem que os pilotos consigam se mover no pelotão. Todos acreditam que estes são os aspectos importantes. Como conseguir alcançar esse objetivo é por nossa conta”, encerrou o dirigente.

Daytona 2016

Senhores, liguem seus motores! A corrida de maior impacto da Nascar está agora ao seu alcance. Saiba como aqui.

Próxima NASCAR Cup matéria
Danica está perto de renovar com a Stewart-Haas

Previous article

Danica está perto de renovar com a Stewart-Haas

Next article

Sócio da equipe de Michael Waltrip compra parte da Chip Ganassi

Sócio da equipe de Michael Waltrip compra parte da Chip Ganassi
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria NASCAR Cup
Evento Michigan II
Localização Michigan International Speedway
Autor Jim Utter
Tipo de matéria Últimas notícias