Ferrari avalia criar programa dos hipercarros do WEC, diz revista

compartilhar
comentários
Ferrari avalia criar programa dos hipercarros do WEC, diz revista
20 de dez de 2018 09:49

Segundo publicação Racer, fabricante italiana está perto de se comprometer com novo ciclo da principal classe do campeonato

A Ferrari avalia seriamente a possibilidade de iniciar um programa oficial para competir na principal classe do WEC a partir da temporada de 2020/2021.

A informação é da revista americana Racer. De acordo com a publicação, a fabricante italiana está perto de se comprometer com a categoria, que iniciará um novo ciclo de regras no período em questão.

O WEC substituirá a classe LMP1 para adotar os hipercarros, em categoria cujo nome ainda não foi oficializado. A base do regulamento contará com carros superesportivos, com grande semelhança aos modelos de rua que são comercializados.

Segundo a Racer, a Ferrari ficou bastante interessada no regulamento e agora aguarda sua finalização para confirmar se o orçamento que pretende investir é compatível com sua estratégia comercial.

A fabricante italiana também considera que a operação por completo seja controlada por ela própria, ao contrário do que atualmente acontece em sua participação na classe LMGTE – em que tudo fica ao encargo da parceira oficial AF Corse.

Com o objetivo de baratear os custos e atrair mais fabricantes, o WEC deixará de lado os LMP1 após a temporada de 2019/2020. Até o momento, nenhuma fabricante se comprometeu oficialmente com o regulamento dos hipercarros, cujos detalhes concretos foram divulgados há poucas semanas.

Next article
Sirotkin fará provas do mundial de endurance em 2019

Previous article

Sirotkin fará provas do mundial de endurance em 2019

Next article

Campeão da Fórmula E, Vergne continua no endurance em 2019

Campeão da Fórmula E, Vergne continua no endurance em 2019
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria WEC