Toyota cogita terceiro carro para Le Mans em 2017

Japoneses introduzem novos conceitos no carro da próxima temporada e descartam terceiro protótipo nas 24 Horas de Le Mans de 2016 devido aos custos do novo projeto; pilotos serão anunciados em fevereiro

Em 2016, a Toyota apresentará novas armas para a disputa do Mundial de Endurance. Vivendo uma temporada para esquecer após o título de 2014, os japoneses entrarão na pista com um novo protótipo, que terá a missão de bater os rivais na LMP1 - hoje Porsche e Audi, com a possível entrada da Nissan na temporada inteira.

Em entrevista ao Motorsport.com, o vice-presidente da Toyota, Rob Leupen, revelou que houve um aumento no orçamento para a próxima temporada devido ao desenvolvimento de um novo protótipo e à adição de mais uma etapa no calendário (no México). Isso, no entanto, não levará a equipe japonesa a colocar um terceiro carro nas 24 Horas de Le Mans em 2016 - talvez em 2017, segundo o dirgente.

"Não teremos um terceiro carro (em Le Mans) em 2016, pois introduziremos um conceito totalmente novo (no protótipo). Para 2017, entretanto, é uma possibilidade concreta."

"Teremos um aumento no orçamento, gerado pela entrada de mais uma corrida, o que gera pressão extra. Não queremos comprometer o montante destinado ao desenvolvimento do carro, mas uma prova a mais significa novas configurações aerodinâmicas e outras modificações, o que naturalmente se torna um grande problema para as equipes"

Não somente o chassi será novo, mas o motor e sistema híbrido também mudarão. O propulsor deixará de ser o V8 aspirado e ganhará um turbocompressor - a cilindrada e capacidade cúbica ainda não foram divulgadas.

No sistema híbrido, sai o capacitor e entram as baterias. Além disso, Leupen confirmou a mudança na classe de recuperação de energia: os japoneses migrarão de 6MJ para 8MJ no novo protótipo, que deve se chamar TS 050 HYBRID. Tanto o motor como o sistema híbrido já foram testados.

"No início de outubro, nosso novo motor foi colocado no dinamômetro, assim como o novo sistema híbrido que será contectado ao propulsor. Estamos felizes por estarmos nos preparando bem para 2016. Mudaremos de 6MJ para 8MJ na classe de recuperação de energia, o que acreditamos que será bom"

Teremos um chassi completamente novo para o próximo ano. Estamos trabalhando em todos os detalhes para reduzir o peso o máximo possível. É um trabalho duro, mas precisamos fazer isso se quisermos estar no mesmo nível de nossos rivais"

Pilotos para 2016 serão confirmados em fevereiro

Ainda não se sabe quem irá pilotar a nova geração de protótipos da Toyota. A lista completa de pilotos que representarão a fabricante japonesa na LMP1 será anunciada oficialmente em fevereiro de 2016, no Japão. Nos últimos meses, as especulações de que Alex Wurz deixará o time e será substituído por Kamui Kobayashi - piloto reserva da equipe - tem aumentado cada vez mais.

Leupen ressaltou que o piloto japonês está entre os candidatos a um lugar como piloto oficial, mas também falou sobre Sam Bird, que testa o atual protótipo da marca no Bahrein, no final deste mês.

"Anunciaremos nossos pilotos em fevereiro. Posso dizer que Kobayashi é uma de nossas primeiras opções. Ele tem estado conosco há algum tempo e nosso relacionamento é bom. Além disso, estamos felizes em dar a Sam Bird um teste em nosso carro. Só testaremos Sam no Bahrein, ele terá considerável tempo de pista e nós queremos que seja um momento bastante proveitoso para ele.", completou.

Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias WEC
Equipes Toyota Racing
Tipo de artigo Últimas notícias