Haas tem segundo melhor resultado de time vindo "do zero"

Primeira equipe dos EUA a pontuar em 30 anos na Fórmula 1, escuderia perde apenas da Sauber em performance na primeira prova

A Haas chegou literalmente quebrando a banca na Fórmula 1. Primeira equipe norte-americana a participar da categoria desde a Lola-Haas (embora tenha o mesmo nome, nada a ver com o time atual) em 1986, a esquadra capitaneada por Gene Haas e Gunther Steiner se aproveitou das circunstâncias para marcar seus primeiros oito pontos logo na primeira tentativa.

O responsável por isso foi Romain Grosjean, que foi indiretamente ajudado por seu companheiro, Esteban Gutierrez, que protagonizou um forte acidente com Fernando Alonso na volta 18 e forçou a bandeira vermelha. Com a paralisação, o francês trocou pneus e não precisou fazer um pit stop em bandeira verde.

Falando de equipes que surgiram do zero, a Haas fez a melhor estreia desde a Toyota em 2002, que também chegou em sexto na Austrália.

Na história da Fórmula 1, excluindo-se os anos 50, época de formação e estabelecimento do campeonato, a Sauber acabou fazendo a melhor estreia de um time vindo do zero. Os suíços conquistaram um quinto lugar no GP da África do Sul de 1993.

Colocando-se na conta times que se tornaram outros, a F1 tem duas vezes em sua história novas equipes vencendo. A primeira vez foi na Argentina em 1977, quando a equipe Wolf (antes Wolf-Williams) ganhou com o sul-africano Jody Scheckter, e a segunda foi em 2009, quando a Brawn GP (antes Honda) triunfou na Austrália com o inglês Jenson Button.

Equipes que começaram do zero e pontuaram:

Equipe GP Posição Piloto
Shadow GP da África do Sul 1973 George Follmer
Toyota GP da Austrália 2002 Mika Salo
Sauber GP da África do Sul 1993 JJ Lehto
Haas GP da Austrália 2016 Romain Grosjean

Melhores estreias:

Equipe (ex) GP Posição(ões) Piloto(s)
Brawn GP (Honda) GP da Austrália 2009 1º, 2º Jenson Button e Rubens Barrichello
Wolf (Wolf-Williams) GP da Argentina 1977 Jody Scheckter
Tyrrell (Matra) GP da África do Sul 1970 Jackie Stewart
Red Bull (Jaguar) GP da Austrália 2005 4, 7º David Coulthard e Christian Klien
Escreva um comentário
Mostrar comentários
Sobre este artigo
Categorias Fórmula 1
Pilotos Romain Grosjean
Equipes Haas F1 Team
Tipo de artigo Conteúdo especial