Kubica: vaga de reserva é “passo importante” para volta à F1

compartilhar
comentários
Kubica: vaga de reserva é “passo importante” para volta à F1
Por: Lawrence Barretto
16 de jan de 2018 13:29

Robert Kubica afirmou que o papel de reserva na Williams representa um “passo importante” rumo à sua meta de voltar a competir na F1 no futuro.

Robert Kubica, Williams
Robert Kubica, Williams FW40
Robert Kubica, Williams FW40
Robert Kubica, Williams FW40
Robert Kubica, Williams FW40
Robert Kubica, Williams
Robert Kubica, Williams

O polonês chegou a ser considerado favorito para assumir uma vaga de titular ao lado de Lance Stroll, mas, após testar ao lado de Sergey Sirotkin em Abu Dhabi, o russo se colocou em posição de destaque.

Quando ficou claro que Sirotkin ficaria com a vaga, Kubica e sua equipe mudaram o foco e buscaram um posto de suporte, o que incluiria bastante tempo ao volante de um carro da F1.

Ambos os lados chegaram a um acordo, o que envolverá Kubica em ação nos testes de pré-temporada, nos testes que serão realizados durante a temporada e em vários treinos livres de GP ao longo do ano.

Kubica, que sofreu lesões sérias após um acidente de rali e que não compete na F1 desde 2010, acredita que um retorno à categoria no futuro ainda é possível. 

“Sinto que estou na melhor forma física que já estive, mas tive muito trabalho para chegar onde estou agora”, disse.

“Então, gostaria de agradecer à Williams pela oportunidade que me deram até agora, e por confiar em mim nesse novo cargo.”

“Gostei de voltar ao paddock da F1 nesses últimos meses. Agora, estou ansioso para trabalhar com o corpo técnico da Williams, tanto na fábrica quanto na pista, para realmente ajudar no desenvolvimento do FW41 e fazer a diferença na campanha de 2018.”

“Minha meta final continua sendo correr novamente na F1, e esse é outro passo rumo a essa direção. Mal posso esperar para começar.”

A Williams, agora, terá a oportunidade para avaliar Kubica durante um período de tempo para se certificar se ele é rápido o suficiente para voltar às corridas, além de se beneficiar de sua experiência no desenvolvimento do carro.

Diretor técnico da Williams, Paddy Lowe elogiou a determinação e a ética de trabalho de Kubica em seu sonho de voltar à F1.

“Gostaríamos de parabenizar Robert naquilo que ele alcançou até agora”, disse Lowe.

“Superar suas lesões, retornar à boa forma e guiar um F1 de novo é um feito incrível, que poucos consideravam ser possível.”

“Esperamos que Robert dê uma forte contribuição técnica à equipe, suando sua rica experiência nos testes, nos simuladores e no apoio que os pilotos têm em toda corrida.”

“Ele é um piloto a quem admirei por muitos anos e estou pessoalmente feliz em trabalhar com ele durante a campanha de 2018.”

 
Próxima Fórmula 1 matéria
GALERIA: Confira como ficou o grid da Fórmula 1 para 2018

Previous article

GALERIA: Confira como ficou o grid da Fórmula 1 para 2018

Next article

FIA revela nome de fornecedor do Halo para a F1

FIA revela nome de fornecedor do Halo para a F1
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Pilotos Robert Kubica
Equipes Williams
Autor Lawrence Barretto
Tipo de matéria Últimas notícias