Paddock da Fórmula 1 vai à Nice para adeus a Jules Bianchi

compartilhar
comentários
Paddock da Fórmula 1 vai à Nice para adeus a Jules Bianchi
Jonathan Noble
Por: Jonathan Noble
Traduzido por: Gabriel Lima
21 de jul de 2015 12:29

Fãs de esporte a motor, vários pilotos e personalidades da categoria vão a velório de francês de 25 anos na catedral de Nice

Pastor Maldonado e Felipe Massa vão ao funeral de Jules Bianchi em Nice, França
Jules Bianchi, Marussia F1 Team MR03
Jules Bianchi, Marussia F1 Team MR03
Marussia F1 Team MR03 de Jules Bianchi, carrega mensagens de apoio, com hashtags #ForzaJules e #JB17 carro não será usado
Amigos, família e pilotos vão ao funeral de Jules Bianchi em Nice, França
Jean-Eric Vergne, Felipe Massa e Pastor Maldonado carregam caixão de Jules Bianchi
Sebastian Vettel, Romain Grosjean, Pastor Maldonado, Felipe Massa vão ao funeral de Jules Bianchi em Nice, França

Jules Bianchi morreu na noite de sexta-feira no Hospital Universitário de Nice aos 25 anos, em decorrência de um sério acidente no GP do Japão, em outubro do ano passado. Com chuva, o piloto acabou perdendo o controle de seu carro, saindo da pista e se chocando violentamente contra um trator que retirava o carro de Adrian Sutil.

A desaceleração trouxe ao francês danos neurológicos que culminaram na sua perda, no dia 17 de julho deste ano.

LEIA MAIS

Você sabia? Tio-avô de Bianchi também correu na F1 e morreu nas pistas

F1 fará um minuto de silêncio em homenagem a Bianchi na Hungria

Seu funeral começou às 10h da manhã no horário da França, e teve presença de muitas personalidades da Fórmula 1. Entre eles está Felipe Massa, amigo pessoal do ex-piloto da Marussia. Além do brasileiro, campeões do mundo como Alain Prost, Jenson Button, Sebastian Vettel e Lewis Hamilton apareceram na catedral.

Outros pilotos do grid atual da Fórmula 1, como Nico Rosberg, Romain Grosjean, Daniel Ricciardo, Daniil Kvyat, Marcus Ericsson, Nico Hulkenberg e o atual terceiro piloto da Williams, Adrian Sutil, também prestaram suas homenagens.

Presidente da GPDA, o austríaco Alexander Wurz também foi visto adentrando a catedral. Assim como o presidente da FIA, Jean Todt, que decidiu ontem aposentar o número 17 que Jules Bianchi havia escolhido para ser seu durante sua carreira na F1.

Os fãs também estiveram presentes, na parte de fora da catedral, com fotos de Bianchi.

O espanhol Fernando Alonso preferiu não comparecer, respeitando o momento de perda.

O melhor do automobilismo!

Confira os roteiros exclusivos da AMK Viagens para a as principais provas de esporte a motor no mundo! VEJA MAIS CLICANDO AQUI!

Próxima Fórmula 1 matéria
F1 fará um minuto de silêncio em homenagem a Bianchi na Hungria

Previous article

F1 fará um minuto de silêncio em homenagem a Bianchi na Hungria

Next article

Massa aposta em Williams melhor em curvas mais lentas

Massa aposta em Williams melhor em curvas mais lentas
Load comments

Sobre esta matéria

Categoria Fórmula 1
Evento Funeral de Jules Bianchi
Pilotos Jules Bianchi
Equipes Manor Racing
Autor Jonathan Noble
Tipo de matéria Últimas notícias